Jump to content
Arquitectura.pt


Marco Silva

Tenho que pagar ao arquitecto por me ter feito o estudo prévio???

Recommended Posts

Boa tarde, Precisava que alguém me esclarecesse uma duvida relacionada com o seguinte: Contactei um arquitecto para conceber um projecto para um terreno que possuo. Este arquitecto apresentou-me algumas propostas de plantas e alguns estudos 3D das propostas. No entanto nenhuma delas me agrada e eu queria contactar outro arquitecto para me dar novas soluções. A minha dúvida é se tenho que pagar alguma coisa pelo trabalho realizado pelo arquitecto até agora?

Share this post


Link to post
Share on other sites

obviamente, entao voce nao paga a consuilta ao medico mesmo que va a procura de outro? o estudo previo pode ate constituir a maior e mais importante parte do trabalho do arquitecto, inflizmente muita gente nao o ve assim. por outro lado existem arquitectos que enunciam um estudo previo de borla so para "agarrarem" o cliente...

Share this post


Link to post
Share on other sites

... não sei, não... O que é que acordaram? Houve proposta de honorários? Se não houve, (é uma falta deontológica grave)... Não vejo maneira de o fazer pagar um valor para o qual não foi pré-estabelecido qualquer tipo de remuneração ou condições contratuais.


Quem cria renasce todos os dias...
Agua-Mestra, Lda
Não sou perfeito, mas sou muito critico...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Houve proposta de honorários. Na proposta de honorários aparece o valor para o Projecto geral de Arquitectura.

Depois na repartição de custos:
Estudo Prévio ------ 35%

Aparece também com devem ser pagas as prestações:

Adjudicação do trabalho ......... 20%

Mas depois diz que os pagamentos só serão efectuados após a aprovação de cada fase do projecto.


Neste momento ainda não aprovei nenhuma fase do projecto e também ñão assinei nada a adjudicar o serviço.

Por isso não sei quanto tenho que pagar se pedir opinião de outro arquitecto. Se é que tenho que pagar alguma coisa....

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tem que pagar os 20% da adjudicação do trabalho. Não assinou mas se não contesta o orçamento, ao fim de 15 ou 30 dias, não em lembro do prazo, é dado como aceite, uma vez que o arquitecto iniciou o trabalho e apresentou-lhe propostas. Já tive clientes que adjudicam o mesmo trabalho a vários arquitectos e escolhem o melhor. Pagam os 20% ou 30% a todos mas só a proposta que os satisfaz é desenvolvida e passa às outras fazes do contrato. Espero ter elucidado.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não, não lhe page nada, este indivíduo, não passa de um oportunista que lhe quer chupar o dinheiro todo, ele fez-lhe aqueles esboços, uns riscos, de forma pouco ou nada laboriosa, ao sabor do vento, só para o agarrar e consequentemente sacar o dinheiro todo... Consulte um Eng., este tipo não pesca nada disso...

É esta a resposta que espera ouvir?

A última vez que fiz o mesmo, recebi , por duas tardes de sábado perdidas. Mais do que deontologicamente correcto, importa é ser correcto. Desculpe a ironia...

Share this post


Link to post
Share on other sites

A última vez que fiz o mesmo, recebi , por duas tardes de sábado perdidas. Mais do que deontologicamente correcto, importa é ser correcto. Desculpe a ironia...



É por estas e por outras, ( Eu também já passei pelo mesmo no início de carreira) que devem sempre colocar bem explicito (oralmente ou por escrito - aconselho colocar tudo sempre por escrito) às pessoas, que estão a contratar uma prestação de serviço, antes de iniciarem qq tipo de Estudos...

... amigos, amigos, negócios à parte... O trabalho do arquitecto, até pode ( e porque não) deve ser uns "rabiscos" na toalha de papel do café... já está a utilizar o seu saber...

Quem cria renasce todos os dias...
Agua-Mestra, Lda
Não sou perfeito, mas sou muito critico...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Concordo plenamente (como todos nós deveríamos concordar). É também uma questão de educação. Porque razão uma pessoa pensa que por ir a um atelier de arquitectura tem o direito de pedir um simples estudo de uma ideia para uma construção e que as horas de trabalho dispendidas pelo Arquitecto que o fez não deverão ser pagas? Não entendo porque se pensa assim. Em qualquer profissão, qualquer serviço profissional é devidamente compensado. Não vejo qual serã a diferença. O problema são os profissionais que deixam passar esta situação e que no final irão complicar a vida a todos os outros. Agora para garantir qualquer tipo de compromisso há que logo à partida deixar as coisas assentes por escrito.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Infelizmente ainda há quem pense que fazer um projecto, ou um estudo prévio, são "dois riscos"... Marco Silva, legalmente não tenho a certeza, tudo indica que sim, mas mais importante do que isso, seria de bom senso e boa educação fazê-lo. Já agora, porque razão escolheu esse arquitecto em particular?


Não é incrível tudo o que pode caber dentro de um lápis?...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Escolhi este arquitecto porque vi projectos feitos pelo mesmo e pareceram-me interessantes. O unico que não acho interessante é o meu e quando lhe peço para alterar alguma coisa mostra-se sempre muito relutante. Por vezes peço-lhe para me alterar isto ou aquilo e ele manda-me uma nova planta com alterações que eu não pedi e aquelas que eu pedi não estão feitas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Marco Silva, olhe page-lhe alguma coisa e parta para outra, pois alguma coisa foi feita e quanto mais não seja para amadurecer melhor o que não quer. Este processo para correr bem tem de haver uma empatia cliente/arquitecto, se apos algumas tentativas isso não for possivel realmente não tem pernas para andar.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Escolhi este arquitecto porque vi projectos feitos pelo mesmo e pareceram-me interessantes. O unico que não acho interessante é o meu e quando lhe peço para alterar alguma coisa mostra-se sempre muito relutante. Por vezes peço-lhe para me alterar isto ou aquilo e ele manda-me uma nova planta com alterações que eu não pedi e aquelas que eu pedi não estão feitas.


Então se calhar a solução passará por uma conversa franca com o colega, onde o Marco mostrará claramente o sue desagrado com a prestação do serviço até agora efectuada, propondo a resolução do contrato, pagando o devido até agora. Não acredito que perante este cenário, o colega não mude a sua postura.
Isto tudo, partindo do pressuposto que o Marco está a pedir ao colega alterações ao estudo prévio que sejam fundamentadas, e coerentes com as premissas que forneceu ao colega, vulgo programa preliminar.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Escolhi este arquitecto porque vi projectos feitos pelo mesmo e pareceram-me interessantes. O unico que não acho interessante é o meu e quando lhe peço para alterar alguma coisa mostra-se sempre muito relutante. Por vezes peço-lhe para me alterar isto ou aquilo e ele manda-me uma nova planta com alterações que eu não pedi e aquelas que eu pedi não estão feitas.


Se realmente não existe essa ligação, o melhor mesmo é partir para outra.
Pessoalmente faz-me alguma confusão que o arquitecto se mostre renitente a a alterar alguns aspectos do projecto sem dar uma justificação plausível para tal.

Faça como diz o Clive e marque uma nova reunião numa com o arquitecto, e aí mostre o seu desagrado pela forma como o processo tem (ou não tem) evoluído.
Se a reacção lhe der esperança num melhor desenvolvimento futuro ,e pondere também estas questões para quando estiver na fase da obra, continue, caso contrário, acerte as contas e siga em frente para outro desafio.
Sempre é melhor gastar mais algum dinheiro agora e sentir bem, do que querer poupá-lo correndo o risco de ter problemas futuros...

Não é incrível tudo o que pode caber dentro de um lápis?...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Se existiu proposta de honorários, é obvio que tem que liquidar as fases de trabalho que já estão concluidas. Repara, é o estudo prévio justamente o trabalho maior de criação, em que o arquitecto teve de gastar tempo a debruçar-se sobre a tua situação, a pensar no que iria propor, a dar a sua ideia. A ideia, é o trabalho criativo que deveria ser mais cobrado. O trabalho seguinte de licenciamento e formalização, é importante, mas apenas uma transposição das ideias para algo mais concreto. As ideias sim são o cerne do projecto. O que tu deves fazer é liquidar já a adjudicação, o que deveria já ter sido feito e liquidares também o estudo prévio, depois de ele te mostrar outra opção mais de encontro ao teu gosto. Tem que existir aqui um meio termo. Deverias ter uma reunião com ele onde explicas tudo o que gostarias de mudar e expressasses claramente a tua ideia de casa, e o que não gostas neste primeiro estudo, e depois liquidar essa fase dos 35%. É claro que podes mudar de arquitecto, mas só depois de teres regularizado a tua situação com este.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tem que pagar os 20% da adjudicação do trabalho.

Não assinou mas se não contesta o orçamento, ao fim de 15 ou 30 dias, não em lembro do prazo, é dado como aceite, uma vez que o arquitecto iniciou o trabalho e apresentou-lhe propostas.

Já tive clientes que adjudicam o mesmo trabalho a vários arquitectos e escolhem o melhor. Pagam os 20% ou 30% a todos mas só a proposta que os satisfaz é desenvolvida e passa às outras fazes do contrato.

Espero ter elucidado.


Existe alguma legislação por onde nos possamos orientar para este tipo de situações, ou o melhor mesmo é consultar um advogado?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Passou-se uma situação semelhante num trabalho em que participei em colaboração com um colega meu, deu-se a proposta de honorários, foi aceite, fez-se o boneco à mão, o cliente gostou, passou-se a proposta a rigoroso, ja começou a torcer o nariz a dizer que queria uma casa mais tradicional, tava previsto um encontro num fim de semana para mostrar uma nova proposta mas por falta de disponiblidade do arquitecto só enviamos por email a segunda proposta passado 2 semanas, foi quando o cliente disse que já tinham entregue a outro e não deram satisfação. Podia no minimo ter ligado para saber o ponto de situação e pôr o arquitecto ocorrente das suas intenções...

ou seja andamos 3/4 semanas a trabalhar para encher papeis, quem paga agora o trabalho de topografia e os dois estudos prévios?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Essa era uma prática muito recorrente, em que no fim tinham um projecto base já muito afinadinho e depois iam ao escritório do desenhador x e por três patacos mais a assinatura do engenheiro, tinham a "coisa" resolvida.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Pois é caros colegas....assim acontece muitas das vezes, confiamos nas pessoas, não as chateamos com as burocracias de assinar contratos de prestações de serviços, e no final:desaprovado:....fica o boneco no portfólio para recordação e já não é nada mau.....
Um conselho: Façam assinar logo de inicio o contrato e cobrem logo uma percentagem na adjudicação....20% no mínimo....

Share this post


Link to post
Share on other sites
"Essa era uma prática muito recorrente, em que no fim tinham um projecto base já muito afinadinho e depois iam ao escritório do desenhador x e por três patacos mais a assinatura do engenheiro, tinham a "coisa" resolvida."

....e depois passamos pelo local e tá lá a nossa obra construída.... :)

Share this post


Link to post
Share on other sites

tive um caso exactamente assim amigo, trabalhinho base completo, e depois pegaram nos meus papeis foram a outro gajo qualquer e vejo o meu projecto executado já em obra.. é de lamentar estas coisa mas infelizmente ainda há pessoas assim. tenham mt cuidados amigos... abraços a todos...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Please sign in to comment

You will be able to leave a comment after signing in



Sign In Now

×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.