Jump to content
Arquitectura.pt


Gupyna

Membros
  • Content Count

    536
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    4

Everything posted by Gupyna

  1. Este é o problema de muitos arquitectos, querem tanto ser eruditos, que depois ninguem os entende! O arquitecto deve ter um discurso claro e poder de sintese!:D
  2. A cobertura é composta por betão poroso (acabamento), que é usado nos campos de ténis. Depois isolamento térmico tipo roof mate de 3cm, tela de impermeabilização, uma camada de "forma" para dar a pendente e laje de betão. Já "copiamos" aqui no ate. esta solução há uns anos e mantem-se impecável,
  3. Não tive oportunidade de responder, mas a verdadeira questão é que existem arquitectos que têm pouco brio no uso da sua qualidade de "arquitecto"! Procuram o facilitismo (fazer pouco e ganhar muito) em detrimento de novas soluções ou adaptações de soluções de tipologias habitacionais, testadas e elogiadas por pessoas credíveis, de acordo com as necessidades do século XXI. Porque trabalhos como os apresentados pela Arquinivel (por baixo), envergonham ainda alguns arquitectos (eu! Mas tenho consciência que alguns neste tópico não conseguem ver a diferença) porque não é preciso ir para a faculdad
  4. Mas fora de brincadeiras, esta empresa Arquinivel tem arquitectos, não estamos a falar de paraquedistas, mas sim de profissionais que "tiraram" o curso de arquitectura e estão inscritos na Ordem dos arquitectos! Por isso o 73/73 e a sua revogação é uma falsa questão!:D
  5. Não percas tempo, liga para o atelier do Gordon que eles "disponibilizam" os elementos necessarios, se puderes tenta visitar o escritório para criares "raizes" num possivel estágio ou emprego!:D
  6. O passado é passado, a Av Liberdade necessita de uma intervenção de rotura, por exemplo sempre idealizei no perfil desta avenida uma maior assimetria, ou seja no lado nascente o automovel e no lado poente o passeio publico mais largo,permitindo aumentar as zonas ajardinadas e zonas de água, com arborização, aproveitando ainda a reabilitação do Parque Mayer. Mas isto são ideias avulsas de um Portuense!:D
  7. Estás a confundir, existem dois edifícios projectados por Rogério de Azevedo e que pertenciam ao extinto jornal O Comércio do Porto, o principal voltado para a Avenida dos Aliados em estilo art déco e contiguo à garagem. Este ultimo mais interessante, moderno com sentido purista e assentuado pela expressividade do jogo volumétrico, liberto de qualquer ornamentação e ainda o uso inovador de materiais como o betão armado.:D
  8. Ser português e não ser da "Escola do Porto" é condicionante? Não percebi, já tinha ouvido muita coisa sobre concursos de arquitectura mas este argumento é inédito?:D
  9. 400 Euros para quê? Para pagar os topos de gama dos "reitores" da católica de Viseu? Tive uma obra perto do Pólo da Católica de Viseu, e o parque automóvel estava ao "nível" de Monte Carlo! Não é que eu repare muito nos outros, mas de vez em quando....:D
  10. Monografias sobre ESM: Eduardo Souto Moura, Editorial Blau, Lisboa 1996. revista El Croquis nº124, Madrid 2005. 2G-Revista Internacional de Arquitectura nº5 - Eduardo Souto Moura; Gustavo Gili, Barcelona,1998. Eduardo Souto Moura, TeNeues, Barcelona 2003. e obra dispersa por várias publicações.....
  11. Convém ler o decreto lei 273/2003. Antes de "aceitar" o trabalho!
  12. Ainda bem, já estou mais descansado, porque pelo que vi, esses professores ingleses devem ser mesmo bons!:D
  13. Será que alguém já olhou com "olhos" para as plantas e a organização interna da escola? Ou só "gostaram" da composição volumétrica?:D
  14. "Meu caro Gupyna quem parece estar a trabalhar para a imagem é você. Como alguém aqui o referiu, interessa o conteúdo ou a embalagem? Penso que está a dar muito mais valor à imagem do que ao conteúdo. Quando alguém tem dificuldade em entender que há pessoas que têm gostos diferentes, ideias diferentes e, mais importante do que isso, aceitar isso. Se tenho um gosto diferente do seu, não o estou a enxovalhar, tenho de o respeitar e, penso que é que mais se tem notado aqui." Vou responder pela ultima vez, e espero ser claro e directo, quando se intervem no território, como construir uma "casita
  15. Mas voltando ao tema, eu resolvi intervir porque achei desde o inicio a falta de cortesia da parte da Liliana sobre o trabalho dos arquitectos e a ousadia de colocar estas frases: “Após alguma pesquisa e consultas (reuniões) sempre me tentaram “vender” um projecto com o qual não me identifico – casa “dita” de arquitectura moderna....” “Vou inserir uma fotografia de uma moradia dentro do estilo de construção com que me identifico. Não pretendo cópias nem plágios!!.” Se quem lê isto e não se desagrada, é porque concorda com o enxovalho constante da nossa sociedade (leia-se portuguesa) contra
  16. "Que se lixe o estilo, o que Portugal precisa é de boa Arquitectura! Porque não falta por aí a pseudo-Arquitectura dita moderna." Espero que quêm escreveu isto não seja arquitecto, porque confundir arquitectura contemporanea com arquitectura moderna revela desconhecimento sobre história da arquitectura portuguesa?:D
  17. “atira-se a m... para a ventoinha e pode ser que se atinjam os outros e não me atinja a mim”. Esta é a melhor citação da Liliana, vem de encontro a este Post!:D
  18. A Liliana não precisa de arquitecto nem de opiniões, visto já ter uma visão simplista do que quer. O que este tipo de "cliente" quer é que o arquitecto diga: - "sim senhor eu faço uns bonecos parecidos para licenciar e construir!" E asim vai este Portugal que não sabe a mais valia de um arquitecto, sério e consciente, que a sua intervenção não é um acto isolado, mas sim uma peça no território, e que se for também um bom objecto arquitectónico melhor ainda, mas sinceramente um "bolo de noiva" para habitar? P.S estou a escrever e a pensar nos clientes que entraram no escritório e que não
  19. Os arquitectos já vendem enciclopédias, é para isto que se estuda 5 anos + estágio?:D
  20. Só cai nesta aldrabice quem quer! Deve ser denunciado este caso aos organismos próprios, visto ser uma ilegalidade! Se me enviarem qual a empresa que pratica tal acto, eu mesmo encaminharei a "queixa"!:D
  21. Não entendo o problema da escolha do arquitecto ESM pelo "procurador" do CR7? Se fosse o TT já não havia discussão, porque como este está ligado à "ramboia" e ao futebol (ver os estádios para o Brasil), mas como é um arquitecto elitista o escolhido, já se estranha!:D
  22. Não esperes facilidades, eh eh eh !:)
×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.