Jump to content
Arquitectura.pt


Vila Nova de Oliveirinha | Quartel dos bombeiros | Luis Albuquerque


Recommended Posts

Ministro da Administração Interna inaugura quartel dos bombeiros de Vila Nova de Oliveirinha

Quarta, 01 Abril 2009 14:11 Liliana Lopes

Num investimento de um milhão e 200 mil euros, o quartel dos bombeiros de Vila Nova de Oliveirinha está pronto a ser inaugurado. A cerimónia acontece dia 10 de Abril.

Motivo de curiosidade pelos traços arquitectónicos que o definem, o quartel da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Oliveirinha, no concelho de Tábua, está prestes a ser inaugurado.

Ultrapassado um período de cerca de cinco anos, marcado por estudos e construção do edifício, o quartel é resultado de um projecto do arquitecto Luis Albuquerque que apostou num trabalho – conforme nota de imprensa enviada ao correiodabeiraserra.com – inovador e recheado de soluções que põem em prática as preocupações ambientais, como sejam, o aproveitamento da energia solar térmica, das águas pluviais e o tratamento total de efluentes com a posterior reciclagem e reutilização.

Na sua concepção foram tidas em conta, a operacionalidade e a funcionalidade e, as soluções encontradas visaram sobretudo, dotar os bombeiros de boas condições de trabalho.

Em contagem decrescente para o dia de inauguração em que é esperada a presença do Ministro da Administração Interna, Rui Pereira, a direcção dos bombeiros refere-se à efeméride como o culminar de inúmeros desejos e esforços e de 75 anos de existência da associação.

A obra traduziu-se num investimento de um milhão e 200 mil euros, destacando-se a comparticipação do estado de 419 mil euros e do município de Tábua de 200 mil Euros. Sobre a direcção dos bombeiros recaiu a grande fatia de 581 mil euros, pelo que se sucedem os apelos à generosidade das “pessoas de boa vontade”.

in http://www.correiodabeiraserra.com/index.php?option=com_content&view=article&id=1993:ministro-da-administracao-interna-inaugura-quartel-dos-bombeiros-de-vila-nova-de-oliveirinha&catid=46&Itemid=93



Vila Nova de Oliveirinha inaugurou quartel “arrojado”

De um quartel dos bombeiros a “cair aos bocados”, Vila Nova de Oliveirinha tem, desde ontem, a funcionar um dos mais modernos edifícios do género

Foi uma sexta-feira particularmente abençoada para os bombeiros de Vila Nova de Oliveirinha, que, ao fim de 75 anos de história, conseguiram surpreender tudo e todos com a obra do novo quartel, inaugurado ontem, feriado no país e no município de Tábua. De arquitectura nada convencional, a nova casa dos soldados da paz custou cerca de um milhão e duzentos mil euros, e foi considerada pelo ministro da Administração Interna, que presidiu às cerimónias de inauguração, um «grito de modernidade», comparável a obras de famosos arquitectos mundiais, edificadas na cidade de Brasília.

Mas como um quartel tem de ser, acima de tudo, um edifício funcional, o ministro Rui Pereira ficou igualmente agradado, depois de uma pormenorizada visita às instalações, por verificar que essa parte não foi esquecida, bem pelo contrário. Apesar da sua «aparência moderna e o seu ar arriscado, este é um quartel funcional» , além de ser ainda uma construção ecológica «com aproveitamento de energias, com reciclagem de águas», o que «corresponde sem dúvidas às necessidades desta corporação de bombeiros», afirmou o governante, aproveitando para lembrar que o MAI apoiou «em tudo o que pôde» esta obra, ainda que «os montantes fiquem sempre aquém daquilo que desejaríamos». admitiu. 420 mil euros foi o montante do financiamento do Estado, ao qual se juntaram 200 mil euros do Município de Tábua. Embora não se tenha comprometido com novos apoios financeiros, Rui Pereira lembrou que, pela primeira vez, o QREN vai contemplar a protecção civil e os bombeiros ao nível da modernização do parque de viaturas. O Ministro anuniou mesmo a atribuição de 95 novas viaturas a nível nacional, cinco das quais para o distrito de Coimbra, tendo ficado a saber-se que uma delas vai beneficiar os Bombeiros de Vila Nova de Oliveirinha.

Apesar de ser um dia pouco “usual” para inaugurações, o responsável pela pasta da Administração Interna não deixou de considerar «oportuna» a data escolhida pelos bombeiros para esta inauguração, na medida em que o lema “vida por vida” dos soldados da paz, está em sintonia com a festa da Páscoa, que para os cristãos celebra precisamente o facto de Cristo ter sacrificado a vida pelos outros.

“Não” aos desperdícios

Visivelmente satisfeito por ver concretizado um sonho de muitos anos, o presidente da Câmara Municipal de Tábua, Ivo Portela, classificou também ele o novo quartel uma obra «extraordinária», de arquitectura arrojada é certo, mas de funcionalidade assegurada. Trata-se de «um edifício bem concebido e bem estruturado que vai permitir aos bombeiros de VNO passarem a ter condições para exercerem com dignidade e destreza a sua actividade», referiu o autarca, prometendo um reforço de mais 40 mil euros para ajudar a pagar aquele investimento.

O autarca não deixou de tecer rasgados elogios, à semelhança do que tinham feito outras entidades, ao presidente da direcção da Associação Humanitária dos BVVNO, Eduardo Pereira, cujo nome foi citado diversas vezes, pelos intervenientes, como sendo um dos grandes impulsionadores desta obra.

Jaime Soares, o presidente da Federação dos Bombeiros do Distrito de Coimbra, não escondeu que quando foi confrontado com o projecto pensou tratar-se de uma loucura da direcção, mas afinal tanta dose de arrojo, agora é alvo de todos os elogios. Vila Nova de Oliveirinha «passou de uma barraca sem condições», como caracterizou o antigo quartel, para um «dos mais espectaculares quartéis que deve haver na Europa e no mundo», acredita o dirigente dos bombeiros no distrito.

E para não estragar muito a festa, Jaime Soares deixou apenas algumas das já habituais lamentações, nomeadamente um apelo muito directo ao ministro, no sentido de alterar o actual sistema de protecção civil, criticando o facto de só os bombeiros, mais nenhuma estrutura a nível nacional, serem coordenados por esta entidade. E ainda de reforçar o Orçamento de Estado nesta área.

Direcção e comando mostraram-se orgulhosos por finalmente terem ao dispor um quartel com a operacionalidade que é exigida nos dias de hoje, aliando a este factor, a estética do edifício, e a sua preocupação ambiental. O arquitecto, Luis Albuquerque, não deixou nada ao acaso, desde a possibilidade de reciclagem das águas residuais, através de uma mini ETAR, a uma maior eficiência energética com a colocação de painéis solares, até ao aproveitamento dos ventos, havendo já contactos para ser colocada no local uma torre eólica. A ideia é «não haver desperdícios», conclui.

O presidente da direcção garante que esta é a prova de que com o mesmo dinheiro se pode fazer uma obra inovadora, a todos os níveis, não deixando contudo de continuar a apelar à ajuda de todos, já que faltam pagar cerca de 580 mil euros do investimento.

in http://www.diariocoimbra.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=1394&Itemid=135

MAI

Reforma da Protecção Civil deve ser "harmoniosa" e envolver os vários agentes

10.04.2009 - 18h28 Lusa

O ministro da Administração Interna disse hoje que a reforma do sistema de Protecção Civil deve avançar "de forma harmoniosa", envolvendo "os vários agentes do sector". Rui Pereira intervinha na inauguração das novas instalações da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Oliveirinha, no concelho de Tábua.

A obra foi parcialmente financiada pelo Ministério da Administração Interna (MAI), através da Direcção-Geral de Infra-estruturas e Equipamentos, que contribuiu com 418.990,00 euros, cabendo à Câmara Municipal de Tábua pagar 200 mil euros.

"Eu sei bem que os bombeiros voluntários constituem a primeira resposta aos incêndios florestais", disse Rui Pereira, numa aparente resposta a Jaime Soares, presidente da Federação de Bombeiros do Distrito de Coimbra, que pouco antes defendeu que deveria ser "reanalisado todo o processo de funcionamento dos bombeiros em Portugal".

Jaime Soares, que é também dirigente da Liga dos Bombeiros Portugueses, realçou que a Autoridade Nacional de Protecção Civil - cujo vice-presidente, Amândio Torres, estava presente na cerimónia - "não comanda em nenhum teatro de operações" instituições como o Exército, o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), a PSP ou a GNR. "Só os bombeiros é que são comandados pela Autoridade Nacional", lamentou.

Na sua intervenção, o titular do MAI acabou por afirmar que a "articulação entre os vários agentes" da Protecção Civil, através de uma única estrutura, que é a Autoridade Nacional criada pelo actual governo, "é uma tarefa complicada". No entanto, assinalou Rui Pereira, foram conseguidos nesta área "progressos consideráveis nestes quatro anos", uma etapa que não é ainda "o fim da história".

Sem entrar em detalhes, o ministro, questionado no fim da sessão pelos jornalistas, confirmou que existe "abertura" do executivo para discutir algumas das propostas dos bombeiros e outros agentes do sector, desde que não ponham em causa a existência de um comando único. Para o governante, o novo quartel dos bombeiros de Oliveirinha, concebida pelo arquitecto Luís Albuquerque, é "uma obra moderna e arrojada", mas também "muito funcional".

O vice-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Paulo Hortênsio, o presidente da Câmara de Tábua, Ivo Portela, o presidente e o comandante da corporação local, Eduardo Pereira e Paulo Rodrigues, respectivamente, foram outros dos oradores.

in http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1373667&idCanal=62


Bombeiros na vanguarda da poupança energética

O novo quartel dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova da Oliveirinha (Tábua) é um exemplo de arquitectura bio-climática. De linhas inovadoras e arrojadas, evoca uma mangueira gigante.

Texto, Rui Cardoso e fotos, José Ventura

0:01 Sexta-feira, 10 de Abr de 2009

Um quartel de bombeiros não tem de se parecer com uma caserna, nem com um armazém. O projecto de Vila Nova da Oliveirinha, no concelho de Tábua, prova isso mesmo. O complexo assemelha-se, na sua forma geral, a uma gigantesca mangueira, correspondendo o bocal ao auditório e a parte curva às garagens das viaturas. No extremo oposto, o bloco de serviços está pintado de vermelho e azul, cores fortes ligadas à actividade dos bombeiros.

Mas não é, apenas, a estética que está em causa. Toda a construção foi imaginada de forma a tirar partido do sol, da água e do ar para manter o conforto interior, dispensando a climatização eléctrica e os esquentadores.

Luís Albuquerque, autor do projecto, concebeu um sistema em que a água do lago que abastece os autotanques desempenha um papel central, sendo reciclada. É bombada de Verão para formar uma cascata sobre a cobertura e as paredes exteriores metálicas do auditório. Interiormente, este é revestido a madeira lamelada, maximizando a acústica e o controlo da temperatura.

Um projecto inovador, respeitador do ambiente e que respeitou os limites de custos fixados pelo Ministério da Administração Interna para este tipo de projectos. Foi inaugurado sexta-feira pelo titular da pasta, Rui Pereira.

in http://aeiou.expresso.pt/bombeiros-na-vanguarda-da-poupanca-energetica--=f507961


VIDEO - http://aeiou.expresso.pt/bombeiros-na-vanguarda-da-poupanca-energetica--=f507961

Link to post
Share on other sites
  • 6 months later...
  • 4 months later...

Luís Albuquerque: Ficamos muito contentes com a sua disponibilidade. Se for possivel da sua parte disponibilizar informação sobre o projecto, como por exemplo desenhos, fotografias de obra, fotografias ou renders o Forum agradece. Obrigado pela sua oferta e pela sua disponibilidade.

Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

ola luis...realmente era fantástico ver detalhes de um projecto desta dimensão.
respondendo ao arkial...
basta ler o texto " correspondendo o bocal ao auditório e a parte curva às garagens das viaturas. No extremo oposto, o bloco de serviços está pintado de vermelho e azul, cores fortes ligadas à actividade dos bombeiros."
auditório :p

Link to post
Share on other sites

Please sign in to comment

You will be able to leave a comment after signing in



Sign In Now
×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.