Jump to content
Arquitectura.pt


Sócrates assinou durante uma década projectos da autoria de outros técnicos


JVS

Recommended Posts

Sócrates assinou durante uma década projectos da autoria de outros técnicos Imagem colocada
31.01.2008 - 23h25 José António Cerejo
José Sócrates assinou numerosos projectos de edifícios na Guarda, ao longo da década de 80, cuja autoria os donos das obras garantem não ser dele. Nalguns casos, esses documentos eram manuscritos com a letra de Fernando Caldeira, um colega de curso do actual primeiro-ministro que era funcionário do município e que, por isso, não podia assumir a autoria de projectos na área do concelho.

O primeiro-ministro diz que assume “a autoria e a responsabilidade de todos os projectos” que assinou e que a sua actividade profissional privada se desenvolveu “sempre nos termos da lei”. Embora se trate de uma prática sem relevância criminal, as chamadas “assinaturas de favor” em projectos de engenharia e arquitectura constituem uma “fraude à lei”, no entendimento do penalista Manuel Costa Andrade, e são unanimemente condenadas pelas organizações profissionais dos engenheiros técnicos e dos engenheiros.

A actividade privada do actual primeiro-ministro como projectista de edifícios era publicamente desconhecida até que, em Junho do ano passado, um antigo presidente da Câmara da Guarda, o também socialista Abílio Curto, a ela se referiu numa entrevista. “Uma vez disse-lhe [a José Sócrates] que ele mandava muitos projectos para a Câmara da Guarda, obras públicas, particulares. (...) O que sei é que nem todos os projectos seriam da autoria dele. Mas isso levar-nos-ia muito longe e também não vale a pena”, afirmou o ex-autarca à Rádio Altitude, pouco depois de ter terminado o cumprimento de uma pena de prisão por corrupção passiva.

Obra quase desconhecida


Ausente dos seus currículos, o trabalho de Sócrates como projectista é muito pouco conhecido. Mesmo os seus amigos da Guarda ignoram se essa actividade se estendia a outros concelhos. Questionado pelo PÚBLICO, Sócrates confirmou que exerceu “funções privadas” desde 1980, mas nada adiantou quanto ao número, natureza e localização das obras que projectou.

O arquivo camarário da Guarda mostra, porém, que essa actividade, no caso daquele município, teve algum relevo. O PÚBLICO consultou aleatoriamente mil processos de licenciamento de obras particulares de entre os cerca de 4000 submetidos à autarquia entre 1981-1990. E só nessa amostra de um quarto da totalidade dos processos encontrou 27 com a assinatura de José Sócrates. No essencial, trata-se de casas de emigrantes, ampliações e anexos mas também dois edifício de habitação colectiva.

Destacam-se os processos em que o primeiro-ministro, então engenheiro técnico ao serviço da vizinha Câmara da Covilhã, assina – quase sempre com reconhecimento notarial – peças manuscritas, nomeadamente memórias descritivas, termos de responsabilidade e cálculos de betão, em que a caligrafia usada nada tem a ver com a de José Sócrates. Muitas vezes, essa caligrafia, inconfundível, é a mesma que aparece nos autos das vistorias realizadas no fim das obras pelos técnicos da Câmara da Guarda: a letra de Fernando Caldeira, colega de curso do primeiro-ministro e que, por ser funcionário do município, estava legalmente impedido de subscrever projectos na área do concelho.

Noutros casos, os trabalhos manuscritos apresentam uma caligrafia que não corresponde nem à de Sócrates nem à de Caldeira, e alguns deles aparecem dactilografados. Comum a muitos dos projectos assinados pelo técnico da Covilhã, que em 1986 se tornou líder distrital do PS em Castelo Branco, é o facto de serem rapidamente aprovados, apesar dos reparos e observações críticas dos arquitectos da repartição técnica da Câmara da Guarda e até dos pareceres contrários da administração central.

Coincidente em muitos deles é também o facto de os donos dessas obras garantirem que José Sócrates não é o autor dos projectos das suas casas. Dos 13 proprietários que o PÚBLICO conseguiu localizar – muitos dos outros residem no estrangeiro e alguns já faleceram –, apenas um, António Lourenço Fresta, confirmou que foi com ele que “tratou do assunto”.

“Só o conheço da televisão”

Alguns, como Aníbal Beirão, um empresário de Porto da Carne, não só negam que Sócrates tenha tido alguma intervenção nas suas obras, como identificam claramente quem o fez. “Tratei de tudo com o eng. Caldeira e foi a ele que paguei. Agora quem assinou não sei”, diz.

Outros, entre os quais António Caldeira, também empresário na mesma aldeia e irmão do engenheiro Fernando Caldeira, desmentem a ligação do primeiro-ministro às suas obras e apontam para autores mais ou menos incertos: “Isto não tem nada a ver com o Sócrates”, garante António Caldeira. No entanto, o projecto da sua fábrica de blocos de cimento, construída no interior de uma zona urbana, foi assinado em 1990 pelo deputado socialista que então mais se destacava na defesa do Ambiente. Segundo o empresário, o autor foi um conhecido arquitecto da Guarda. Sucede que nessa época este ainda nem sequer tinha concluído o curso.

Já o ex-emigrante José Pereira Ramos não hesita em identificar Cristóvão Pereira, um desenhador da câmara local, como autor do projecto da sua casa. “Foi a ele que paguei. Ao Sócrates só o conheço da televisão.”

Entre alguns engenheiros e arquitectos da Guarda, que pedem anonimato, a versão que corre sobre a ligação profissional de Sócrates à Guarda é simples e é assim resumida por um deles: “Havia aí um grupo de técnicos da câmara que açambarcava uma boa parte dos projectos de casas dos emigrantes. Como não podiam assinar punham o Sócrates a fazê-lo, porque ele era da Covilhã e não tinha esse problema” de impedimento legal.

De acordo com esta versão, o grupo era composto por Fernando Caldeira, António Patrício e Joaquim Valente, todos engenheiros técnicos e antigos colegas de José Sócrates no Instituto Superior de Engenharia de Coimbra. O primeiro e o segundo são hoje directores de departamento na Câmara da Guarda e o último, que apenas foi técnico da autarquia em 1980 e 1981, tendo depois desenvolvido a sua actividade em duas empresas que criou, tornou-se presidente da mesma Câmara em 2005. Dos três, só António Patrício nega que alguma vez tenha tido relações profissionais com Sócrates. Os outros admitem ter trabalhado com ele, mas sempre “para ajudar pessoas a resolver os seus problemas”.


in http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1318310&idCanal=34


A Lista de Projectos
Link to comment
Share on other sites

jasus... que ricos politicos que rico governo que rico país em que vivemos!!!... de miseraveis, corruptos arremediados e desenrascados!!!... e ainda por cima uma nodua destas chega a primeiro ministro e governa o país... por momentos penso que o nosso PORTUGAL está mal colocado Geograficamente... devia-mos era estar colados á venezuela ou á angola.... E o melhor é que este caramelo tem umas ricas de umas obras!!! com um curso feito nas coxas e uns projectos maravilhosos... isto deixa-me triste... aparentemente andamos todos a dormir..... é uma macacada pegada!!!

Link to comment
Share on other sites

Já agora deixo aqui um link onde se podem ver algumas dessas obras de arte:
http://static.publico.clix.pt/docs/politica/projectossocrates/index.html


delicioso ... obg dreamer, obg ... :p

pessoal, cadê o diploma q ia deitar abaixo o 73/73??? :nervos:

O país está no lodo, no pântano

Os honestos estão a ser gozados todos os dias enquanto os mafiosos glorificados e medalhados! :clap:
Link to comment
Share on other sites

Jah tinha pensado na relacao Socrates - Salazar e discordo que eles sejam iguais antes pelo contrario...antes fossem pelo menos existia alguma dignidade. Como podemos afirmar que Socrates eh o novo Salazar vendo a inseguranca, vendo a educacao como estah, a saude, o pais em geral... discordo.

Link to comment
Share on other sites

Jah tinha pensado na relacao Socrates - Salazar e discordo que eles sejam iguais antes pelo contrario...antes fossem pelo menos existia alguma dignidade. Como podemos afirmar que Socrates eh o novo Salazar vendo a inseguranca, vendo a educacao como estah, a saude, o pais em geral... discordo.



não vejo onde a insegurança (o povo tinha medo de falar abertamente sobre qualquer assunto, p.e. este, havia mais medo com certeza) e a educação (país onde a cultura era completamente desimada pela sensura) estivessem melhor no tempo de salazar!!!.... o socrates não é nenhum salazar, é mais um politico que chegou ao poder á custa de cunhas, trocas de favores, corrupção e o deixa andar e cavai disto tipico do português...
Link to comment
Share on other sites

o socrates não é nenhum salazar, é mais um politico que chegou ao poder á custa de cunhas, trocas de favores, corrupção e o deixa andar e cavai disto tipico do português...


A sério!? Eu não voto... e para mim tanto me faz, pois são todos iguais... mas... pergunto:

Não foi mais de 55% dos Portugueses que foram votar, que votaram nele?

Não são essas supostas cunhas, que agora passam a vida a criticar e a querer deitar a baixo este governo?

Porque é que durante o governo do PSD, que pôs o país como pôs, não havia greves e neste são quase todos os dias?

---

Quando o actual Bastenario da Ordem dos Advogados, deu uma entrevista a RTP, disse uma coisa que eu realmente nunca tinha pensado nisso mas que tem muita lógica (não foram exactamente estas palavras): "Porque é que no caso Casa Pia, queria-se a força toda por membros do PS envolvidos no caso, quando depois fico provado que não tinham qualquer ligação ao caso? Será que não era claramente uma forma de fazer cair o partido?"

---

Eu não ligo nada a isto... mas faz-me confusão as pessoas estarem sempre a falar disto...
Ate mesmo o jornal Publico, para mim, já perdeu a credibilidade que tinha por já parecer um jornal cor-de-rosa...

Continuo a disser... as pessoas pintam a coisa mais preta do que realmente é!

Josué Jacinto - Mais Fácil
My web: maisfacil.com | soimprimir.com | guialojasonline.maisfacil.com

Link to comment
Share on other sites

JAG Eu também não concordo com o actual estado da politica portuguesa, mas acho que não votar só lhes estamos a dar razão :p Acho que quem não vota fosse la votar em branco, punha muito politico a pensar...

Já no referendo do aborto foi o que foi... e a lei saíu (e aqui não me estou a referir a idelogia nenhuma, mas sim á falta de votos...)

Mas, desde que um povo sabe que um Presidente (de Câmara ou não, isto para não estar a referir nomes XD ) anda lá a encher os bolsos á 'nossa' conta e no ano seguinte as pessoas estão todas a votar nele outra vez... Sinceramente não sei, como apelidar as 'nossas gentes'...

Já espero de tudo...
Link to comment
Share on other sites

Visto não votar, critico e elogio todos, naquilo que acho bem ou mal. Mas raramente comento politica... Não voto por varias razões, e uma delas é porque vais dar sempre ao mesmo... quem chega ao poder ou faz o que se vê, entre os políticos, se não sai do poder rapidamente... E isto não é só em Portugal, é em todo o mundo... E quem é bom... acaba sempre "morto"... Já faz lembrar César, era um Imperador que todo o povo gostava... mas fazia comichão aos membros do senado... foi morto... Por isso... é como diz o TiCo... "Já espero de tudo..."

Josué Jacinto - Mais Fácil
My web: maisfacil.com | soimprimir.com | guialojasonline.maisfacil.com

Link to comment
Share on other sites


Não foi mais de 55% dos Portugueses que foram votar, que votaram nele?

Porque é que durante o governo do PSD, que pôs o país como pôs, não havia greves e neste são quase todos os dias?

---

Quando o actual Bastenario da Ordem dos Advogados, deu uma entrevista a RTP, disse uma coisa que eu realmente nunca tinha pensado nisso mas que tem muita lógica (não foram exactamente estas palavras): "Porque é que no caso Casa Pia, queria-se a força toda por membros do PS envolvidos no caso, quando depois fico provado que não tinham qualquer ligação ao caso? Será que não era claramente uma forma de fazer cair o partido?"

---

Continuo a disser... as pessoas pintam a coisa mais preta do que realmente é!


JAG nunca votei em partido mas em pessoas... e nunca votarei num PS ou num PSD... esses partidos já tivertam oportunidades que cheguem para por este país onde merece estar... as politicas repetem-se, o povo paga... a educação desaparece a cada nova medida a saude fica mais cara e precária e a justiça com este governo!!! (eu nem sei como adjectivar, poderia ser muito mal educado)
quanto aos 55% dos votos q deram a este governo, para mim foram conseguidos graças aos media e a umas quantas asneiradas do Santana Lopes.
quanto ao numero de greves, acho que existe muito menos dinheiro nestes ultimos anos nas carteiras dos portugueses o que automáticamente é alvo de revolta, para além disso este governos que se diz socialista a meu ver está a ser mais centro direita que qualquer outro que por lá tenha passado e que eu me lembre (só tenho 21 naos).
quanto ao que disse o bastoonário, sinceramente não tenho qualquer opinião, é a guerra pelo poder.... os lobbys os job's tudo isso a funcionar (de parte a parte).
quanto ao jornal o publico, tive a oportunidade de ler o jornal e digo-te que está noticia estava completamente fundamentada, tinha uma grande investigação por trás dela, tinha o contraditório exigido com uma entrevista ao 1º ministro, onde ele foge a todas as perguntas não dizendo nada de concreto! ( só não percebi porque é q esta informação/noticia em que se pode ver um crime de corrupção sem duvida nenhuma não tem qualquer tipo de investigação sobre ela por parte das policias e não fez qualquer eco na sociedade!!!!) isto fica por explicar....
Link to comment
Share on other sites

não percebo o porque de tanto barulho... ele foi apenas mais um (eng.) a assinar projectos de outros ou até mesmo dele. Ainda hoje se faz isso, não percebo o espanto, até parece que as casas pseudo-romanas dos desenhadores e outros engenheiros são diferentes, quer no estilo arquitectónico quer no processo de concepção.

Link to comment
Share on other sites

não percebo o porque de tanto barulho... ele foi apenas mais um (eng.) a assinar projectos de outros ou até mesmo dele. Ainda hoje se faz isso, não percebo o espanto, até parece que as casas pseudo-romanas dos desenhadores e outros engenheiros são diferentes, quer no estilo arquitectónico quer no processo de concepção.



o porquê de tanto barulho????!!!!

meu caro, o querido 73/73 ainda não entrou em vigor e continua em aguas de bacalhau, os arquitectos que saêm das nossas faculdades encontram uma dificuldade imensa em encontrar trabalho, são explorados, plagiados e têm muitas vezes de desistir do sonho "arquitectura". pergunto-me se esta lei de 1973 que tinha como base alargar o pessoal qualifcado para fazer projectos visto só existirem 500 arquitectos nessa altura, não está completamente desatualizada, visto hoje existirem mais ou menos 15000.... esta noticia que saiu no publico deveria abrir novamente este debate, as obras assinadas pelo nosso 1º são o que são...
agora a maneira como foram assinadas, os favores, as pessoas nem saberem que foi ele o projectista! fico triste... como já disse... e fico ainda mais ao ver que o barrulho que se levantou não foi o suficiente para abrir um debate intenso na sociedade, a ordem devia de se levantar e insurgir-se contra este deixa andar que nos prejudica.

só assim podere-mos ter uma maior cultura arquitectónica, fazendo com que as pessoas que pensam que poupam dinheiro ao contratar um eng. em vez de um arq. que ele faz o mesmo trabalho, que os arquitectos são uns chatos e querem tuudo á maneira deles, que a arquitectura é só para grandes obras, mudem de opinião.

http://www.arquitectura.pt/forum/f16/4-paes-a-proposta-indecente-9110.html

dá uma olhada nisto!
Link to comment
Share on other sites

rui.dinis... nisso concordo contigo!

Quem deve desenhar "casas" são arquitectos, não engenheiros! Os engenheiros devem apenas avaliar as obras a nível estrutural.

Isto pode-se comparar a criação de um CD de musica... Temos o Cantor, o Produtor, o Designer Gráfico e a Editora... sem falar dos caminha intermédios...

Josué Jacinto - Mais Fácil
My web: maisfacil.com | soimprimir.com | guialojasonline.maisfacil.com

Link to comment
Share on other sites

Viva, JAG - Não é verdade que os politicos são todos os mesmos ... o problema é que o ciclo do poder esta acente em dois partidos ( PS/PSD ) onde os interesses estão instalados. Quem faz parte de um desses dois partidos sabe perfeitamente que mais tarde ou mais cedo vai saltar para o poleiro. Depois há as questões dos programas eleitorais, as tais promessas. Se te interessares realmente, les os programas, votas no que achares melhor e depois se eles não cumprirem com as promessas só tens que votar noutro partido. Ora bem, se a isto tudo juntares a corrupçao e questões sem ética chegas facilmente a conclusão que o que se passa neste país faz parte da história . Outrora havia Reis, Clero, Nobres e por fim o povo, os nomes mudaram as atitudes é que não. Não que os Estados Unidos sejam um exemplo, mas este dito Eng. não chegaria a eleições com estes telhados de vidro todos caso estivesse a concorrer nos EUA. Depois uns dizem, oh é normal os Engenheiros fazerem projectos de Arquitectura em Portugal , pah , em portugal muito coisa é normal mas isso nao quer dizer que seja boa pratica, o problema é que os interesses estão instalados por todo o lado. Senão vejamos , a antiga bastonária da ordem dos arquitectos não sabia que o seu camarada sócrates fazia belas obras de arquitectura ? e mesmo que não soubesse , que fez ela para mostrar e expor ao país este tipo de práticas e exemplos como estes que o Público e bem investigou !?!? Só vos digo, só queria na ordem dos arquitectos alguem com metade da ética e dignidade do bastonário dos advogados. É estranho só ver os bastonários das outras ordens falarem nos meios de comunicação sobre o que vai mal nas suas areas. E para acabar, há arquitectos que também são como estes engenheiros, é com cada obra de arte. PS: Sabem que há um Clube de Golf de Arquitectos ? Enquantos uns andam no desemprego, em trabalhos precários, uns dão umas tacadas todos contentes só pq assinaram/desenharam uns projectos de m€rd@ autorizados por um autarca qq corrupto para uma empresa imobiliaria qq que fugiu ao fisco e foi buscar o dinheiro a um banco qq que faz fraudes bancarias onde a entidade reguladora fingiu que n viu ... etc etc ... Cumprimentos :icon14:

Link to comment
Share on other sites

Pois ... o problema é sempre o mesmo! Perante factos concretos de pura Aldrabice e falta de escrúpulos, aparecem pessoas que ainda acham que está tudo bem, que não há nada de mal e que não é preciso tanto barulho ... ! Este país precisava de umas bombas e uns atentados para animar a festa e equilibrar certos desiquilíbrios e injustiças! "A GUERRA FAZ PARTE DA VIDA. SEM GUERRA O DEMÓNIO REINARÁ!" :p

Link to comment
Share on other sites

refs... acho que isso já é uma logica muito inlogica, já se esta a entrar noutros campos... Em relação em dizer que esta bem ou mal... eu falo dos numeros... Se falta tanto dinheiro, porque é que as noites de Lisboa e Porto estão sempre cheias, todos os dias???

Josué Jacinto - Mais Fácil
My web: maisfacil.com | soimprimir.com | guialojasonline.maisfacil.com

Link to comment
Share on other sites

Pois ... o problema é sempre o mesmo! Perante factos concretos de pura Aldrabice e falta de escrúpulos, aparecem pessoas que ainda acham que está tudo bem, que não há nada de mal e que não é preciso tanto barulho ... !

Este país precisava de umas bombas e uns atentados para animar a festa e equilibrar certos desiquilíbrios e injustiças!

"A GUERRA FAZ PARTE DA VIDA. SEM GUERRA O DEMÓNIO REINARÁ!" :p



caro refs acho que nem devo comentar esta tua opinião...

e JAG as noites são para as pessoas se divertirem e esquecerem estes problemas que nos vão na alma... (pelo menos é o que faço e não perciso de gastar muito dinheiro...) estou completamente de acordo com o que o r/l disse... e o "nosso" bastonário deveria de tomar partido dos media para dar a conhecer a situação precária em que se encontram os recém licenciados e a corrupção que praí vai por essas autarquias deste país.
Link to comment
Share on other sites

Please sign in to comment

You will be able to leave a comment after signing in



Sign In Now
×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.