Jump to content
Arquitectura.pt


Soest, Utrecht | Torre de água convertida | zecc arcitechten


Recommended Posts

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/8-3.jpg

Restoration and conversion of a water tower into a residence, Soest, Utrecht, Netherlands. 2004. These guys are good.
http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/frontdoor.jpg

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/15.jpg

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/6-7.jpg

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/12-1.jpg

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/13-1.jpg

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/4-13.jpg

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/14-1.jpg

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/5-8.jpg

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/3-15.jpg

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/16-1.jpg

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/9-2.jpg

http-~~-//i73.photobucket.com/albums/i207/modernlover62/ALBUM%202/ALBUM%203/plan.jpg
zecc ARCHITECTEN - In Dutch.
Photos © Jeroen Musch

margarida duarte

Link to post
Share on other sites

Acho que já foram feitas experiências com depósitos de combustíveis e afins, por isso não é algo de realmente inovador, mas tenho de dar mão à palmatória, porque à parte de algumas questões de facilidade de circulação, no geral o projecto parece-me bem resolvido e sem dúvida muito interessante...

Não é incrível tudo o que pode caber dentro de um lápis?...

Link to post
Share on other sites

a questão da circulação e da habitabilidade é um pouco complexa, uma vez que a conversão da torre para habitação quase que exige obrigatoriamente um tratamento vertical do programa visto que as dimensões da torre em planta são uma condicionante. a única questão que coloco na habitabilidade deve-se apenas à crescente opção do cliché "branco | preto". creio já ser um pouco cansativo habitar um programa dominantemente vertical (quanto a isso nada "culpa" do arquitecto), mas quando associado a este contraste coloco algumas dúvidas. no entanto são opções e é sempre de realçar interesse que o projecto tem.

Link to post
Share on other sites

Concordo contigo Valter, provavelmente o branco até é para aumentar a luminosidade já que as aberturas são pequenas e, por exemplo no quarto, não proporcionam um contacto directo com o exterior. Tem um aspecto um pouco impessoal, não há mais mobiliário? Para ler um livro na cama tem que ter a iluminação da divisão inteira ligada? No global, parece-me uma habitação divertida, mesmo sem demonstrar grande vida.

Link to post
Share on other sites

claro margarida, realmente é um projecto desafiante, eu próprio gostaria de ter a oportunidade de converter algo do género. no entanto não nos podemos esquecer que a arquitectura é mais que o desafio para o arquitecto, deve no meu entender ter resultados funcionais aceitáveis. não te contrario quando dizes que gostarias de lá morar porque na realidade eu próprio gostava, agora não como habitação permanente. imagina só ires à cozinha buscar algo, sobes para o quarto e reparas que esqueces algo... é complicado e acaba por saturar penso eu.

Link to post
Share on other sites
sim, é verdade! tenho de concordar contigo, quando referes esse aspecto das escadas (por exemplo) alias, foi tema de muita conversa também na obra do arq. álvaro leite siza vieira - casa tólo.
mas também me lembro daquelas vivendas, em que a parte privada dos quartos também é no 1º andar da habitação e a zona social é no piso 0, assim como a cozinha :)
se esse exemplo que dás fosse de facto, algo saturante, este tipo de planta que te mencionei, e que de facto deves estar familiarizado, não se repetia tantas e tantas vezes :x

margarida duarte

Link to post
Share on other sites

reparei nessa discussão. claro que sim, mais uma vez tens razão. agora sejamos realistas ehehe, alguns arquitectos têm tendência para fazer o chamado "desenho da moda" e parece-me que procuram mais uma reportagem numa revista que propriamente a procura de uma boa habitabilidade. mas também me parece ser um pouco diferente uma habitação que está divida por pisos de acordo com espaços sociais e privados, de uma outra que tem cada espaço num piso diferente. mas mais uma vez digo que neste caso me parece que a conversão assim o obrigava.

Link to post
Share on other sites

Please sign in to comment

You will be able to leave a comment after signing in



Sign In Now
×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.