Jump to content
Arquitectura.pt


[Projecto] Casa Isabel Antunes - Espinho _ CNLL


Recommended Posts

CNLL
Casa Isabel Antunes _ Espinho, Anta . 1999-2004

A proposta é composta por cave, r/chão e andar, tendo havido o maior cuidado no que respeita à sua concepção arquitectónica, promovendo um edifício com características eminentemente actuais.
O programa que norteou esta solução é o seguinte:
Ao nível da Cave temos a garagem, uma instalação sanitária e um arrumos.
Quanto ao R/C temos o hall de entrada, a cozinha com armário despenseiro, sala comum, um quarto de dormir e uma instalação sanitária de apoio a este piso, tendo como elo de ligação ao piso superior a caixa de escadas.

Para o 1º Andar, o qual tem uma área superior à prevista no loteamento mas que não excede 3% de aumento permitido, está prevista a zona íntima da habitação composta por três quartos de dormir, sendo um deles com quarto de banho privativo, e um quarto de banho de serviço.


Descrição Geral
Cliente: António Dias Marques Antunes
Descrição: Projecto geral para moradia com cave, r/c e 1 piso
Área de intervenção 304 m2
Local: Espinho, Anta
Data Início | Fim: 1999 | 2004


Agredecemos a colaboração de CNLL.
Link to post
Share on other sites
  • 1 year later...
  • 5 months later...

Habitação isolada, com bom aspecto!!!! gostei é muito simples na sua composição volumétrica, mas vai buscar nobreza com os materias de revestimento......


Fascinante, é mesmo muito simples!!:)
Mais do mesmo, a caixa que tenta ser caixa e não é, a pedra que deixa de ser estrutural para ser pele, a madeira suporta a pedra, somente contradições tectónicas!

Não consigo perceber o fascinio por este tipo de arquitectura, que tenta ser o que não é??:\
Link to post
Share on other sites

Não consigo perceber o fascinio por este tipo de arquitectura, que tenta ser o que não é??


e nao e toda a arquitectura um pouco disso?

os materiais sao aquilo que quisermos fazer deles (embora eu nao goste totalmente da opcao cromatica nesta situacao) a verdade e que se seguirmos essa questao da tectonica a letra la se vai a plasticidade toda
Link to post
Share on other sites
  • 4 months later...

Como numa conferencia, O arq Souto Moura, a respeito do seu projecto na boavista, o edificio de burgo, dize, que a arquitectura é um constante jogo de mentiras, usadas para contar verdades. quem melhor que Herzog e os seus projectos em que trabalha a mentira da arquitectura, como plasticidade, pele, e como volumeria, tudo isto para falar a verdade, falar de vivencias, de sentimentos de fancinios e funcionalidades. nao defendendo ninguem nem nenhum projecto, considero que a mentira faz parte da arquitectura, mas nao é o unico meio válido de arquitectar...!

Link to post
Share on other sites

Na minha opinião que vale o que vale, sem conhecer as plantas arrisco-me a dizer que que parece um bom projecto "estragado" com a solução adoptada para os revestimentos quer exteriores quer interiores, tudo muito o que está mais na "moda". Exigia-se face á simplicidade volumetrica, uma maior depuração nesse capitulo dos revestimentos.

Link to post
Share on other sites
  • 3 weeks later...

Bom dia a todos. Antes de mais gostaria de salientar o facto de não ser arquitecto, sou apenas um apreciador de arquitectura contemporãnea e como tal, permitam-me o abuso de dar a minha opinião sobre este edifício. Este edifício não me parece em equilibrio. A volumetria do piso superior parece-me demasiado inflamado, parecendo na iminência de esmagar o inferior. Talvez um acabamento em "capotto" ajuda-se a contrariar esta impressão! Espero não estar a ferir susceptivilidades ...

Link to post
Share on other sites

bem quero deixar aqui a minha opinião , que obviamente vale o que vale pois não sou entendido na matéria mas espero vir a ser. A minha opinião vai tambem de encontro à que o user Rui Teixa fez na medida que tambem axo o piso superior demasiado grande e robusto parecendo que irá esmagar o inferior. outra coisa que nao gostei foi da escolha dos materiais para exterior nem daquela pedra nem das madeiras a razao é simplesmente gostos penso que a parte de cima merecia outros revestimentos assim como a parte de baixo, uns que conjugassem bem. Depois as janelas faz parecer este projecto uma gaiola uma prisão ou jaula , obviamente devera ter sido escolha do arquitecto ou mesmo de quem é a casa mas nao agrada nada alem do mais so iria ficar um pouco mais caro com os vidros maiores. É so uma opinião nao levem a mal nem quero que ninguem fique ofendido

Link to post
Share on other sites

Please sign in to comment

You will be able to leave a comment after signing in



Sign In Now
×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.