Jump to content
Arquitectura.pt


Os Grandes Portugueses


Qual e para si o Grande Portugues?  

43 members have voted

  1. 1. Qual e para si o Grande Portugues?

    • D. Afonso Henriques
      12
    • Alvaro Cunhal
      2
    • Antonio Oliveira Salazar
      7
    • Aristides de Sousa Mendes
      0
    • Fernando Pessoa
      4
    • Infante D. Henrique
      3
    • D. Joao II
      5
    • Luis Camoes
      1
    • Marques de Pombal
      7
    • Vasco da Gama
      3


Recommended Posts

  • Replies 56
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

"equilibrou as finanças públicas, criou as condições para o desenvolvimento económico, mesmo que controlado, e conseguiu que Portugal não fosse envolvido na II Guerra Mundial. Manteve a separação entre o Estado e a Igreja"

só por ter tido os "tomates" de separar as aguas da igreja e do estado foi para mim um grande homem...e depois, digam o que disserem, achem provocatório ou nao, toda a gente fala dele e ninguem lhe é indiferente :)
(é caso para aplicar aquela máxima: "falam bem de mim, falam mal de mim...mas lá falar, falam!")
pelo menos nessa altura nao tinhamos o buraco financeiro que temos agora. alem disso concordo com algumas coisas que ele defendia: o nacionalismo a cima de tudo! queremos tanto ser iguais aos outros paises, para depois nao aguentar a "pedalada"... que vergonha que é, quando se fazem aquelas estatisticas, o nome de portugal aparece quase sempre comparado com nomes de paises de leste... :p

tenho muito orgulho em ser portuguesa e ainda mais orgulho tenho no meu país! todos os candidatos tiveram o "outro lado da moeda" mas se continuam a insistir em ver apenas o lado negro do professor, entao paciencia.

que sirva para alguma coisa a democracia que tantos reclamam e deixem-nos ter a nossa opiniao ser ofensas. :nerd:

margarida duarte

Link to post
Share on other sites

e isso é bom? O Salazar impediu Portugal de evoluir, sim salvou as finanças (i give him that) mas manteve uma repressão e bloqueou as comunicações e influências do mundo exterior. Qualquer ditadura é má, seja de esquerda ou de direita, não interessa, é ditadura é mau! e ainda que a democracia não seja perfeita, é o menor de todos os males.

Link to post
Share on other sites

e isso é bom? O Salazar impediu Portugal de evoluir, sim salvou as finanças (i give him that) mas manteve uma repressão e bloqueou as comunicações e influências do mundo exterior.

Qualquer ditadura é má, seja de esquerda ou de direita, não interessa, é ditadura é mau! e ainda que a democracia não seja perfeita, é o menor de todos os males.



que tipo de ditadura? a do franco ou a do estaline?? ou ainda a do hitler??? :)

margarida duarte

Link to post
Share on other sites

Portugal sempre teve atrasado, dizia o comentador. E Salazar tentou criar primeiro uma base

económica solida, com base na agricultura (o erro talvez esteja aqui, virar-se para a industria era melhor)


mas

industria=associações sindicais e o Salazar não gostava disso ....

Mas viste o documentário ? La sugere uma resposta para o bloqueio das influencias exteriores .... mas enquanto ele la esteve as influencias exteriores na Europa foram a Guerra Civil Espanhola e a Segunda Grande Guerra, e depois o pós Guerra... é tudo relativo

mas sim, ditadura é sempre mau
Link to post
Share on other sites

Todas! Do Hitler ao Fidel! e é completamente ridículo ele (o Salazar) estar na lista dos finalistas dos Grandes Portugueses, foi há 33 anos que a ditadura acabou, os portugueses têm memória curta. Não nós, que não temos idade, não presenciámos, nem temos noção de como era (uns têm mais relatos de familiares, outros menos). Faria mais sentido estar o Egas Moniz, ou o Sousa Martins, o Gil Vicente, o Bocage....

Link to post
Share on other sites

Todas! Do Hitler ao Fidel!

e é completamente ridículo ele (o Salazar) estar na lista dos finalistas dos Grandes Portugueses, foi há 33 anos que a ditadura acabou, os portugueses têm memória curta. Não nós, que não temos idade, não presenciámos, nem temos noção de como era (uns têm mais relatos de familiares, outros menos). Faria mais sentido estar o Egas Moniz, ou o Sousa Martins, o Gil Vicente, o Bocage....




nao me lembro ser do tempo dos que referes... :)

margarida duarte

Link to post
Share on other sites

o que queres dizer com isso? eu n disse que o salazar n fazia sentido por n ser do nosso tempo. nesse caso, nem afonso henriques, nem camões, nem nenhum dos que lá estão... O Salazar foi uma figura marcante em Portugal, figura na nossa história, disso não há dúvida nenhuma. Agora daí a votá-lo para um dos melhores portugueses... acho ridículo. Felizmente é só um programa de televisão, é só um pretexto, equiparo-o (ao programa) aos morangos com açúcar. São programas de entretenimento que eu dispenso!

Link to post
Share on other sites

Eu achei o programa um pouco fraco, e bastante chato em algumas alturas. Especialmente quando começavam a fazer referências só porque queriam justificar o estado de espirito nacionalista e o admirar de figuras históricas, que apesar de correcto demorou demasiado tempo na narrativa do programa. Quanto ao Salazar ser votado para a lista dos grandes portugueses, não me espanta nada. Ele teve uma das maiores máquinas publicitárias alguma vez existente em Portugal totalmente dedicada ao culto da sua personalidade, e cujos frutos ainda se sentem hoje em dia. O que para mim não lhe retira o mérito em relação a algumas jogadas e tomadas de posição. Pessoalmente encaro Salazar como um homem com um pais a seus pés mas com pouca ambição e visão para o comandar. Tudo bem que teve a capacidade de melhorar as finanças portuguesas mas faltou-lhe o passo seguinte que muitas vezes é o mais dificil de tomar. Por isso é que eu não voto nele para O grande português.

Link to post
Share on other sites

o que queres dizer com isso? eu n disse que o salazar n fazia sentido por n ser do nosso tempo. nesse caso, nem afonso henriques, nem camões, nem nenhum dos que lá estão...

O Salazar foi uma figura marcante em Portugal, figura na nossa história, disso não há dúvida nenhuma. Agora daí a votá-lo para um dos melhores portugueses... acho ridículo. Felizmente é só um programa de televisão, é só um pretexto, equiparo-o (ao programa) aos morangos com açúcar. São programas de entretenimento que eu dispenso!



penso que estas a ser desagradavel e extremamente extremista! ridiculo?? ao menos que sirva para alguma coisa a liberdade de expressão tao ambicionada por alguns aqui à uns anos atras! e isso significa cada um dizer aquilo que acha como acha, quando acha que deve dizer... o salazar foi mauzinho? foi ditador? pois olha que o que veio depois foi bem pior! sei que nao é o 25 de abril que estamos aqui a discutir, mas deixa-me relembrar-te que a tao ambicionada liberdade pretendida, nao serviu só para se começar a dizer o que se pensa sem se ir preso (embora nao fosse 100% assim) serviu tambem para pilhar, vandalizar, destruir, inumeros montes alentejanos, inumeras culturas agricolas (de onde o pais vivia e sobrevivia), para que abrissemos mao das colonias (e nessa altura a madeira e os açores so nao foram tambem independentes porque nao sao pretos - nao sou racista mas é verdade!) e se na altura eramos probres, entao desde ai, muito sinceramente nao melhoramos!
o problema das pessoas que sao contra o salazar é que muitas vezes dizem que havia uma grande discrepancia entre pobres e ricos....agora somos todos pobres e ninguem se queixa.....e viva o 25 de abril, que nao so nos nivelou a todos por baixo, como nos pos na cauda da europa....
no tempo de salazar nunca houve problemas de estado....e se ele fosse assim tao mauzinho acredita que o cunhal nao tinha fugido...tinha sido morto logo ali. se o salazar fosse tao mauzinho, nao tinha acolhido os milhares de judeus em portugal...tinha-nos empurrado pa 2ª guerra mundial e acredita, que ainda hoje estariamos a limpar as cinzas.....

poderá nao ser o maior de todos...mas foi um grande homem. agora nao voltes a dizer que é ridiculo ou deixa de ser....ao menos que sirva para alguma coisa a liberdade conquistada e começa a saber ouvir as opinioes contrarias as tuas sem ofender ou ridicularizar


ditador?? Idi Amin...aquele que mandava matar crianças para lhes comer o figado...fonte de juventude dizia ele

margarida duarte

Link to post
Share on other sites

Ridículo sim! Não te insultei, expressei apenas a minha opinião, sou livre de o fazer. Sou livre de discordar, e faço-o. Assim como tu és livre de expressares a tua opinião e fizeste-o. Pelo teu discurso, suspeito que a tua família era abastada antes do 25 de Abril e perdeu muitas coisas injustamente. Sim, é verdade, aconteceu o mesmo com a minha. O 25 de Abril não foi perfeito, lamento, mas foi necessário. Quanto às colónias, discordo completamente de ti, acho muito bem que tenham ganho independência. Só tenho pena que nós tivéssemos contribuído para a exploração dos minérios (que trouxémos para Portugal) e para as guerras civis, mas não para ajudar na independência e estabilização destes países. Relativamente à pobreza, é somente resultado da nossa incapacidade de produzir. Somos desorganizados e preguiçosos. Não foi o 25 de Abril que nos pôs na cauda da europa, já caminhávamos para lá há muito tempo (aliás desde os Filipes que não voltámos a ser os mesmos, mas já passou tanto tempo que passámos a ser assim). Quanto à maldade e aos problemas de estado no tempo de Salazar, estás equivocada. Eu conheço muita gente que foi presa e torturada, em Portugal! Volto a dizer, tantas vezes quantas achar necessárias, que o Salazar ser votado para Grande Português é RIDÍCULO! Ou ouço as opiniões contrárias às minhas, mas n tenho de concordar com elas. Ah, e já que gostas tanto do Salazar, devias ter mais cuidado na forma como escreves. Dás imensos erros ortográficos. Sabias que, no tempo deste ditador, eras multada por cada erro?

Link to post
Share on other sites

entao se és assim tao defensora da ligua portuguesa deverias ter votado no padre antonio vieira....mas pronto, tudo bem...nao vou discutir mais este assunto contigo porque, se bem conheces: "burro velho nao aprende linguas" fernando pessoa foi tao grande, como luis camoes, bocage, florbela espanca e outros que tais...nao se distinguiu em nada...foi trigo do mesmo saco. enquanto houver pessoas a votar no pinto da costa, na catarina eufemia, no mourinho e outros...nada me espanta LOL i rest my case

margarida duarte

Link to post
Share on other sites
Trecho 259 do Livro do Desassossego, de Bernardo Soares

"Gosto de dizer. Direi melhor: gosto de palavrar. As palavras são para mim corpos tocáveis, sereias visíveis, sensualidades incorporadas. Talvez porque a sensualidade real não tem para mim interesse de nenhuma espécie - nem sequer mental ou de sonho -, transmudou-se-me o desejo para aquilo que em mim cria ritmos verbais, ou os escuta de outros. Estremeço se dizem bem. Tal página de Fialho, tal página de Chateaubriand, fazem formigar toda a minha vida em todas as veias, fazem-me raivar tremulamente quieto de um prazer inatingível que estou tendo. Tal página, até, de Vieira, na sua fria perfeição de engenharia sintáctica, me faz tremer como um ramo ao vento, num delírio passivo de coisa movida.

Como todos os grandes apaixonados, gosto da delícia da perda de mim, em que o gozo da entrega se sofre inteiramente. E, assim, muitas vezes, escrevo sem querer pensar, num devaneio externo, deixando que as palavras me façam festas, criança menina ao colo delas. São frases sem sentido, decorrendo mórbidas, numa fluidez de água sentida, esquecer-se de ribeiro em que as ondas se misturam e indefinem, tornando-se sempre outras, sucedendo a si mesmas. Assim as ideias, as imagens, trémulas de expressão, passam por mim em cortejos sonoros de sedas esbatidas, onde um luar de ideia bruxuleia, malhado e confuso.

Não choro por nada que a vida traga ou leve. Há porém páginas de prosa que me têm feito chorar. Lembro-me, como do que estou vendo, da noite em que, ainda criança, li pela primeira vez numa selecta o passo célebre de Vieira sobre o Rei Salomão. "Fabricou Salomão um palácio..." E fui lendo, até ao fim, trémulo, confuso; depois rompi em lágrimas, felizes, como nenhuma felicidade real me fará chorar, como nenhuma tristeza da vida me fará imitar. Aquele movimento hierático da nossa clara língua majestosa, aquele exprimir das ideias nas palavras inevitáveis, correr de água porque há declive, aquele assombro vocálico em que os sons são cores ideais - tudo isso me toldou de instinto como uma grande emoção política. E, disse, chorei; hoje, relembrando, ainda choro. Não é - não - a saudade da infância de que não tenho saudades: é a saudade da emoção daquele momento, a mágoa de não poder já ler pela primeira vez aquela grande certeza sinfónica.

Não tenho sentimento nenhum político ou social. Tenho, porém, num sentido, um alto sentimento patriótico. Minha pátria é a língua portuguesa. Nada me pesaria que invadissem ou tomassem Portugal, desde que não me incomodassem pessoalmente. Mas odeio, com ódio verdadeiro, com o único ódio que sinto, não quem escreve mal português, não quem não sabe sintaxe, não quem escreve em ortografia simplificada, mas a página mal escrita, como pessoa própria, a sintaxe errada, como gente em que se bata, a ortografia sem ípsilon, como o escarro directo que me enoja independentemente de quem o cuspisse.

Sim, porque a ortografia também é gente. A palavra é completa vista e ouvida. E a gala da transliteração greco-romana veste-ma do seu veto manto régio, pelo qual é senhora e rainha."


Subscrevo.
Link to post
Share on other sites

Dou-te os parabens Bruta, es capaz de escrever sem erros. Por acaso tens tudo direitinho no teu corpo ? Eu por acaso tenho aqui um dente que ta meio torto, mas posso ir ao dentista e arranjar, felizmente não vejo ninguém tão preocupado com isso como tu com os erros ortograficos. E parece-me que eras tu que no outro forum criava assim uma frisson por estares sempre a implicar com isso não era ?

Parabens, assim como eu nao vou arranjar este dente, tu já arranjaste o teu escrever, pena nem todos serem como tu, e não melhorarem o palavriado (se calhar estã tão acessivel como um dentista não é ? Faço o que ? tiro um curso de Portugues, pego no dicionario e verifico todas as palavras? o que aconcelhas ?). Pena também estares sempre a implicar com isso. Sabes a língua é um processo mental, tal como andar e correr, e pensar. Precisa de treino, nem todos o tem, nem todos querem o ter, nem todos podem ter. Por isso podes parar com isso que chateia.




Ridículo sim! Não te insultei, expressei apenas a minha opinião, sou livre de o fazer. Sou livre de discordar, e faço-o. Assim como tu és livre de expressares a tua opinião e fizeste-o.

Pelo teu discurso, suspeito que a tua família era abastada antes do 25 de Abril e perdeu muitas coisas injustamente. Sim, é verdade, aconteceu o mesmo com a minha. O 25 de Abril não foi perfeito, lamento, mas foi necessário.

Quanto às colónias, discordo completamente de ti, acho muito bem que tenham ganho independência. Só tenho pena que nós tivéssemos contribuído para a exploração dos minérios (que trouxémos para Portugal) e para as guerras civis, mas não para ajudar na independência e estabilização destes países.

Relativamente à pobreza, é somente resultado da nossa incapacidade de produzir. Somos desorganizados e preguiçosos. Não foi o 25 de Abril que nos pôs na cauda da europa, já caminhávamos para lá há muito tempo (aliás desde os Filipes que não voltámos a ser os mesmos, mas já passou tanto tempo que passámos a ser assim).

Quanto à maldade e aos problemas de estado no tempo de Salazar, estás equivocada. Eu conheço muita gente que foi presa e torturada, em Portugal!

Volto a dizer, tantas vezes quantas achar necessárias, que o Salazar ser votado para Grande Português é RIDÍCULO! Ou ouço as opiniões contrárias às minhas, mas n tenho de concordar com elas.

Ah, e já que gostas tanto do Salazar, devias ter mais cuidado na forma como escreves. Dás imensos erros ortográficos. Sabias que, no tempo deste ditador, eras multada por cada erro?

Link to post
Share on other sites

Dou-te os parabens Bruta, es capaz de escrever sem erros. Por acaso tens tudo direitinho no teu corpo ? Eu por acaso tenho aqui um dente que ta meio torto, mas posso ir ao dentista e arranjar, felizmente não vejo ninguém tão preocupado com isso como tu com os erros ortograficos. E parece-me que eras tu que no outro forum criava assim uma frisson por estares sempre a implicar com isso não era ?

Parabens, assim como eu nao vou arranjar este dente, tu já arranjaste o teu escrever, pena nem todos serem como tu, e não melhorarem o palavriado (se calhar estã tão acessivel como um dentista não é ? Faço o que ? tiro um curso de Portugues, pego no dicionario e verifico todas as palavras? o que aconcelhas ?). Pena também estares sempre a implicar com isso. Sabes a língua é um processo mental, tal como andar e correr, e pensar. Precisa de treino, nem todos o tem, nem todos querem o ter, nem todos podem ter. Por isso podes parar com isso que chateia.


Ok, já percebi, não chateio mais.

Mas é uma coisa que me incomoda mesmo, primeiro porque é a nossa língua (eu não a escrevo perfeitamente, mas faço um esforço), depois porque é essencial para transmitirmos os nossos pensamentos/raciocínios (e escrevendo mal, torna-se mais difícil). E continua-se (sim, no outro fórum tb era eu que chateava a este respeito) a escrever muito mal aqui.

Ah e já agora (excluindo os acentos, que faltam imensos), é palavreado e aconselhas!

Mas é triste, que as pessoas se descurem na sua educação.
Link to post
Share on other sites

Please sign in to comment

You will be able to leave a comment after signing in



Sign In Now

×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.