Jump to content
Arquitectura.pt


Arquiarte

Membros
  • Content Count

    61
  • Joined

  • Last visited

About Arquiarte

  • Rank
    Frequentador
  • Birthday 06/25/1978

Redes Sociais

  • Website
    http://www.arquiarte.pt

Meio Profissional

  • Instituição/empresa onde trabalha
    ArquiArte
  1. Obrigada pelo esclarecimento. Realmente depois de ler atentamente verifiquei que estava errada. Todavia muito embora tenha já experiência em realizar tais planos, não tenho os 5 anos que eles falam ( utilização tipo 3 e 4)... Por isso a credenciação automática com base no CV não funciona no meu caso... Provavelmente terei mesmo que recorrer à formação específica, isto se já houver alguma credenciada. Irei procurar então mais informação. Obrigada
  2. Bom dia a todos. Estou com uma dúvida relativamente a quem elabora/ou pode elaborar os planos de emergência. Pelo Decreto-Lei n.º 220/2008 e pela Portaria n.º 64/2009 diz que quem fizer estes planos terá que ter: Artigo 4.º 1 :s Possuir seguro de responsabilidade civil que cubra danos decorrentes da actividade profissional no montante mínimo de € 250 000. 2 XD Possuir formação específica em SCIE com uma carga horária mínima de setenta horas, com conteúdo programático e formadores aprovados pela ANPC; A minha questão é, quem estava farto de fazer estes planos terá agora de fazer uma formação especifica de 70 horas? Sabem por acaso onde poderei fazer esse curso, na zona de Lisboa? E mesmo sendo paga a recibos verdes terei que ter um seguro tão elevado? Por favor ajudem-me, será que interpretei mal as coisas. Obrigada
  3. Isto está um caos . Com toda a revolução de DL e leis e portarias e a Câmara de Lisboa.... Oh céus... Agora com estas novas unidades de projectos ( que eu até nem acho mal, mto pelo contrário) é que está um verdadeiro inferno. Perdem se processos, as notificações estão a demorar cerca de 3 meses ... Ninguém sabe nada em concreto. Quem se lixa quem é? O mexilhão.. neste caso o arquitecto, pois os clientes até pensam que estamos a fazer isto de propósito....... :tired: quando é que a calma voltará? Será que volta?
  4. Tico não tens de pedir desculpas, só acho que a ordem devia de ter mais atenção a quem paga as cotas. Talvez seja por isso que a maior parte do pessoal que sai das universidades está-se a "borrifar" para eleições... Bom falando na nova lei, no outro dia fui à Camara de Lisboa tentar entender alguma coisa, e nem lá me conseguiram dizer as coisas correctamente . Era simples - Um edificio na rua da Imprensa Nacional - deixar somente a fachada, tudo o resto novo... A senhora que estava a atender-me disse que era licenciamento ( até aqui tudo bem, tb pensei o mesmo, zona em vias de protecção etc). Mas a do lado meteu-se na conversa e disse que, não senhora, que era uma comunicação previa (a nova versão) porque se encontrava numa zona consolidada, logo não tinha nada de colocar um licenciamento. Juntaram-se ali mais umas quantas, pessoas. No final fiquem sem saber o que era em concreto. Conclusão, se nem eles o sabem, estamos feitos quando forem a ver os projectos.
  5. Bem!!!!! Esta é realmente a frase típica da Ordem! Se tem dúvidas leia novamente tudo! Ora eu respondo se temos dúvidas é porque já lemos e houve coisas que escaparam ao entendimento, não é verdade! Mas pronto em frente. Obrigada pelo esclarecimento dos termos.
  6. Realmente hoje em dia ( bem na verdade já o eram ) os engenheiros são os melhores amigos dos arquitectos. Se ambos funcionaram bem e em conjunto, verdadeiras obras primas são realizadas.
  7. Bom será que alguém me pode esclarecer uma situação... Não sei se estão a par das "pequenas " revoluções que estão a haver na Camara de Lisboa. Hoje em dia, não sei até onde vai a nossa responsabilidade como arquitectos. Por exemplo em relação aos Termos de Responsabilidade, há o do autor de projecto, mas já me foi dito que somos obrigados a preencher também o de coordenador de projecto. Isto será verdadeiro? Tenho conhecimento de alguns requerentes que agora estão a colocar os arquitectos em tribunal por situações que estão um pouco além das suas responsabilidades...Ou então talvez não... Se alguém souber realmente destas alterações, por favor esclareça-me. Pagamos à ordem para trabalhar e quando queremos ser esclarecidos quanto à nova legislação temos que pagar novamente para termos formação :icon_boxing: Obrigada
  8. Antigamente chamavam-nos a geração rebelde... hoje em dia temos novo nome a "geração dos recibos verdes a mil euros"... Se dizemos que não, estão centenas a dizer que sim.
  9. Gostei de ver e de ouvir. Embora tenha de admitir não gostar muito de torres, principalmente no nosso contexto nacional, gostei de ver esta solução! Vamos ver no que dá, nem que seja nos "estrangeiros de fora" :D
  10. bahahaahh esta agora teve piada!! Esteve bem, arklab!!!! :)
  11. :) Eu sabia que deveria ter ido para parteira....... Bom também felizmente não me posso queixar, sou uma das poucas que faz o que realmente gosta na vida....
  12. Bem pessoal eu peço desculpa mas volto ao assunto do 1 arquitecto por 580 habitantes.... Então quer dizer que andam por aí 580 MEUS clientes!!!! Epá já me sinto mto mais feliz.... Afinal sempre há trabalho.... 580.... moradias 580 ..... recuperações de apartamentos ( ups... este só se quiserem mandar um pilar abaixo....) 580 .... hoteis 580..... Ui tanta coisa.. :)
  13. Ora muito bem, então convido-os a todos.... ( bem... cada um paga a sua viagem ) a verem e andarem no " The Bridge Pavilion" na Zaragoza 2008!!!
  14. Ora muito bem, então convido-os a todos.... ( bem... cada um paga a sua viagem ) a verem e andarem no " The Bridge Pavilion" na Zaragoza 2008!!!
  15. Uau.. Sim gosto, agora falta marcar na agenda para ir comprovar..... O material foi mto bem escolhido, pelo menos a ver pelas imagens!
×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.