Jump to content
Arquitectura.pt


HelderLemosARQ

Membros
  • Content Count

    22
  • Joined

  • Last visited

About HelderLemosARQ

  • Rank
    Frequentador
  • Birthday 03-05-1976
  1. HelderLemosARQ

    Acessibilidades - moradia de 2 pisos

    Ver secção 2.4 e secção 3.3.5
  2. HelderLemosARQ

    Acessibilidades - moradia de 2 pisos

    Mas acho fácil desenhar uma escada com largura de 1,00m e degraus com altura 0,18m e profundidade 0,28m. Estas dimensões são as mínimas exigidas... Mas preferencialmente a escada deve ter 1,20m de largura para facultar o acoplamento de uma plataforma elevatória se necessidade houver.
  3. HelderLemosARQ

    arquitectura em terrenos com grande pendente

    A aldeia da Pena (S. P. Sul) fica situada no fundo de um vale muito inclinado e não em cima de um promontório. Contudo as casas estão edificadas em declive, assim como a aldeia de Piodão ou outras...
  4. HelderLemosARQ

    Componentes de um projecto de arquitectura

    Eu diria para consultar o Arquitecto/a que está com o projecto... ele saberá o que tem que apresentar para licenciar uma obra...
  5. Não será da responsabilidade do Director de Obra?
  6. HelderLemosARQ

    Acessibilidades - moradia de 2 pisos

    Ver este blog http://acessibilidade-portugal.blogspot.com/
  7. HelderLemosARQ

    Acessibilidades - moradia de 2 pisos

    Sim... A mobilidade condicionada vai desde a mulher grávida, ao idoso, ao individuo temporariamente doente até à pessoa que possa andar de cadeira de rodas. Assim, se as rampas e elevadores são os meios as "cadeiras de rodas" transitarem entre desníveis ou pisos. As escadas servem a mulher grávida, ao idoso, ao individuo temporariamente doente. Logo as escadas devem cumprir as Acessibilidades.
  8. HelderLemosARQ

    aquecimento jaga (mini canal)

    A Jaga é material de topo... muito bom! Aconselho. Esses convectores de pavimento, podem trabalhar por convecção natural ou com ajuda de um ventilador... tudo o resto funciona como os "normais" aquecimentos centrais de radiadores. A empresa http://www.termotecnia.com dá apoio ao projecto
  9. HelderLemosARQ

    Orçamento do custo da obra

    Como já anteriormente esclareceram... para a fase de Licenciamento a estimativa orçamental segue a Portaria 1545/2008, ou outro valor indicado em Regulamento Municipal do concelho em questão. E apenas terá que se fazer uma ligeira multiplicação dos m2 de projecto pelo valor anunciado. Uma estimativa mais acertada ao real custo dependerá no nível de equipamento a utilizar, da quantidade de quartos e de pisos... Apenas para concurso público terá que seguir a Portaria 701H-2008 do Código dos Contratos Públicos.
  10. HelderLemosARQ

    Aplicação de Cortinas de Vidro em Varandas

    Não confundir mobiliário com alteração à fachada... Há isenção de qualquer controlo ou comunicação prévia das pequenas obras de escassa relevância urbanística, bem como as obras de conservação e de alteração no interior dos edifícios ou suas fracções autónomas que não impliquem modificações da estrutura dos edifícios, das cérceas e das fachadas. O termo utilizado de "Cortina de Vidro", parece-me querer distanciar-me das "miseráveis" marquizes. Pelas imagens disponibilizadas no site, e estas não possuírem perfis metálicos, não deixa de ser um "fechar" de uma varanda, que implica alteração à fachada... mesmo existindo ligeiro impacte arquitectónico (mas basta uma "ligeira alteração" para que seja "uma alteração". E atenção aos direitos de autor. Haverá consentimento do autor do projecto para que se feche uma varanda?
  11. HelderLemosARQ

    Destaque de parcela

    Uma ligeira dúvida... Apenas se "destaca" um prédio em duas partes? Ou poderá executar-se em mais partes?
  12. Como cidadão tem todo o direito de se expressar... e presumo que no UK também exista o período de discussão pública. E eu gostava que a "arquitectura de nome" (Novel e outros) fosse de igual modo respeitada e não houvesse uma discriminação positiva apenas por ser Novel, Herzog, Holl, Gehry, Siza e outros... o nome deles produz, por si só, "obras primas". E atenção, sou fã destes e de outros "arquitectos de nome"!
  13. HelderLemosARQ

    Software de Paginação

    Também tive e tenho problemas de paginação! A entrega da minha Dissertação de Mestrado padeceu de uma boa e fácil paginação. Pois trabalhar com o MSWord é uma dor de cabeça constante. Vou ficar atento às V/ sugestões...
  14. HelderLemosARQ

    Preciso de ajuda..

    A "velha" história do telhado... ou o grande tabu do telhado! Não vejo que a utilização de cobertura em telhado possa menosprezar a arquitectura! O prémio Secil de Arquitectura 2002 contemplou uma casa com telhado. Tudo passa pela "génio" do arquitecto. A questão de casa simples é relativa e subjectiva! Tudo depende do terreno, do programa tipológico e da disponibilidade financeira do Dono de Obra (DO). E da liberdade projectual... O custo, ou o baixo custo, pode ser um desafio no projectar de uma casa! Claro, que quanto maior a área de construção, maior o custo (lógico). Mas, pelo que li e inicialmente a conversa é sempre a mesma... "estou a ver casas nas revistas"... Na minha óptica, um bom arquitecto desenha a casa conforme o cliente, e família. É necessário um bom entendimento entre o DO e o arquitecto, bastantes conversas para entender o tipo de vivências que se iram materializar no projecto da casa. E, claro, o terreno a implantar também tem um forte contributo (a tal questão do chalé suisso nas planicies e planaltos portugueses, ou a casa de granito do Norte na lezíria do Tejo). Desta forma, digo que, uma boa escolha e selecção de arquitectos (com o devido pedido de honorários e disponibilidade) fará uma casa mais alegre e melhor adaptada. Porque cada um tem um estilo próprio e cada casa de revista corresponde a vários arquitectos, e o que se enquadrou para uma família não se coaduna a outra. E, faça-o com um arquitecto! A primeira poupança começa em trabalhar com um arquitecto, mesmo que os honorários sejam mais dispendiosos do que os fornecido por Agente Técnicos, Desenhadores e Engenheiros. O aconselhamento, apoio e veracidade são superiores, assim como os conhecimentos técnicos.
  15. HelderLemosARQ

    Curso de Arquitectura

    Quanto a livros, recomendo-te dois livros breves que consegues ler rapidamente: Óscar Niemeyer "Conversa de arquitecto"; Fernando Távora "Da organização do espaço". E depois tens os clássicos de iniciação... às vezes maçudos de ler: Bruno Zevi "Saber ver a arquitectura"; Bruno Zevi "Uma definição de arquitectura"; Gordon Cullen "Paisagem urbana"; entre outros... E um outro livro que gostei muito de ler. Apesar de inicialmente me questionar porque me mandaram ler aquele livro. O resultado de o ter lido só mais tarde o compreendi. Edward T. Hall "A dimensão oculta"
×

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.