Jump to content
Arquitectura.pt


lllARKlll

Curriculum Vitae em Video

Recommended Posts

Pois é Margarida, teoricamente pode funcionar assim, mas não estou convencido que na prática o mesmo aconteça, no entanto nada como experimentar a funcionar com esse tipo de curriculum, até porque aprecio td o que seja inovação e sendo utilizada em prol de todos nós, melhor!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
ora nem mais! embora entenda o que dizes, não te podes esquecer, no entanto de 2 coisas, a meu ver, bastante importantes:

- haverá sempre "os velhos do Restelo" que nunca irão querer a substituição de um cv vídeo pela entrevista (alias, nem do cv vídeo pelo cv em papel!!)

- a entrevista sempre serviu como forma de "desempate" em muitos gabinetes, tanto públicos como privados e empresas.

e depois, como muita gente pode alegar, o cv vídeo pode ser feito com muitas manobras de arranjos e "decoranços" o que pode fazer com que não sejamos naturais. no entanto é como dizes, inovação e tecnologia nunca é de mais e é bom estar a par de tudo. isto faz-me lembrar um artigo que li na revista Sábado, à uns 15 dias talvez, onde referiam precisamente a originalidade com que algumas pessoas tinham entregue o seu cv. uma fê-lo com video, mostrando como podia ser camaleonica (era para uma empresa de design e tal caracteristica era pedida).
outro, enviou umas luvas de boxe, para um atelier de arquitectura com a mensagem "levo tudo até ao fim", na Austrália, onde existe uma grande prática por esse desporto.
outra ainda, creio que professor (embora ja nao me recorde bem) andou a colocar o seu cv em todos os carros de um parque de estacionamento do local onde queria trabalhar...

todos eles foram chamados para entrevista. as empresas/gabinetes que os chamaram, confessaram que tinham ficado fascinados pela criatividade como tinham sido abordados. todavia, também houve quem admitisse não ter contratado algumas dessas mesma pessoas, pois a entrevista não se tinha revelado satisfatória...

por isso já se sabe, que na nossa área, a criatividade (para além de outras cisas, obviamente, tal como a formação, intelecto, etc, etc) é muitas veze4s um ponto de partida e até mesmo de diferenciação entre muitos candidatos.

não é o essencial, claro, mas se somos de uma área de criatividade, então qual é a duvida que se trata de algo igualmente importante? :foto:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mesmo que a pessoa não chegue a ser contratada, nem sequer convocada prá entrevista, certamente provoca um sorriso na cara do patrono mais sisudo pela forma original ou diferente de apresentar o curriculum. :-)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não será pela aparência, pelo credo político, pela militância religiosa ou pela opção sexual, aliás, eu gosto de coisas heterogéneas... Se a pessoa possui carácter e não é simulada, é sinal que não tem nada a provar e muito menos terá que se constantemente vender, se pelo contrário, for um cagão mor, que passa mais tempo a cultivar a sua rede de amigos (para ser intocável, perante o despedimento) do que a trabalhar, este será sempre um tipo, que fica bem na fotografia, mas um peso em termos de ordenados na empresa. É a opção entre um subordinado (O tipo que até é trabalhador) e um gazeteiro (O tipo que até é giro, mas não faz nada). Há literatura farta sobre isso, não é apenas a minha opinião. Eu ainda não tenho é a certeza se Portugal é o pior exemplo neste aspecto, mas acho que não. Esta coisa da Produtividade, é difícil de compreender.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Venho por este meio comunicar que as mensagens que não tinham relação directa ou que estavam a prejudicar o tema em debate foram movidos para a Lixeira.

As mensagens que foram movidas nao cumpriam o seguinte ponto das Regras e condições de utilização do fórum Arquitectura.pt.

1. No fórum Arquitectura.pt promove-se o respeito mútuo, a boa educação e as boas maneiras.



Como também não cumpriam o objectivo principal do fórum:

Ao utilizar o fórum Arquitectura.pt o utilizador compromete-se a cumprir as regras e condições estabelecidas garantindo a boa harmonia do fórum.

As mensagens presentes no fórum Arquitectura.pt são da inteira responsabilidade dos seus intervenientes, com o objectivo de apresentação e debate dos temas propostos. O fórum Arquitectura.pt e seus parceiros não se responsabilizam pelo conteúdo das mensagens aqui dispostas.



Se os utilizadores visados quiserem as suas mensagens de volta enviam o pedido por MP ao Administrador, Connecty, com os respectivos motivos e razoes. O seu caso serah analisado pela Equipa de Moderação.

Com os melhores cumprimentos,

Equipa de Moderação.

Share this post


Link to post
Share on other sites
é pena que o caro ARK so conheça esse dois tipos de pessoas.. garanto-te que há um terceiro tipo, que não se encaixa em nenhum dos tipos por ti apresentados.. provavelmente uma nova geração de arquitectos, quem sabe! mas creio que o tempo (ou a parede) te mostrarão isso mesmo.

essa coisa da produtividade, por mais incrivel que pareça, existe em portugal. alias, existe em imensas empresas onde curiosamente até nem tem havido despedimentos, como vemos todos os dias na tv. basta, por exemplo ir até lisboa (onde se situam as empresas que falo por conhecimento), embora acredite que hajam noutras cidades de portugal, obviamente.

empresas essas, onde a produtividade se alia à criatividade, onde as pessoas até são amigas, jantam fora, divertem-se juntas e (imagina só) sem nunca pisar a linha da hierarquia e respeito que deve sempre haver entre colegas de trabalho.

agora, é obvio que nem toda a gente tem o privilégio e a sorte de trabalhar em sitios assim. muitos trabalham em sitios criados por lobbies, cunhas, tachos. muitos são constantemente despedidos (saba-se lá por quê) e no entanto, até eram bons empregados (julgavam eles)... essa mesma gente que trabalha, trabalha, trabalha, trabalha e no entanto sem qualquer gosto, sem qualquer objectivo, sem qualquer...nada!

assim andam muitos arquitectos por este pais fora. que cumprem os objectivos, mas sem nada mais a "acrescentar".. enquanto não for possivel amestrar macacos para substituir essas pessoas, as mesmas podem respirar de alivio :s

eu cá continuo a preferir a inovação aliada à criatividade, que se junta ao conhecimento e à formação. serão sempre esses os pilares que diferenciam um bom profissional de um mediano, de um cativante aluno de entre tantos outros. serão essas as diferenças entre acordar as 7.30 da manhã bem disposto ou carrancudo para mais um dia de trabalho.

por aqui me fico. afinal nada contra. os bons e os medianos sempre se destacarão por alguma coisa.. e ainda bem que assim o é!! :foto:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não é só na arquitectura que isto se nota, se calhar é por esse motivo que acontecem as crises, e as dificuldades porque em vez de trabalho em equipa, cada um vai remando para seu lado... e alguns vão ficando pelo caminhos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não é este geração que vai mudar alguma coisa... carácter, assertividade, trabalho em equipa, so se for no plano da aparência... trabalhamos para o verdinho ao fim do mês... se o idiota que está ao nosso lado é despedido, ainda nos congratulamos por ficar mais para nós! Respeito entre colegas de trabalho? Mas em que País é que vives?

Share this post


Link to post
Share on other sites

o cv em video é sinal dos tempos, mas tal como ler as noticias na internet isso n é o mm q comprar o jornal! e convenhamos q c o video tem q se gramar até ao fim e já com o cv em papel pode-se ler na diagonal e saltar logo p as partes mais relevantes e q interessam ao empregador. acho q este cv video é uma alternativa q sem duvida pôe em evidência outras caracteristicas q o cv papel n pode pôr -e n tou a falar só da aparência, mas sim da linguagem n verbal! no entanto, nada substutui uma entrevista

Share this post


Link to post
Share on other sites

Please sign in to comment

You will be able to leave a comment after signing in



Sign In Now

×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.