Jump to content
Arquitectura.pt


Rui Resende

Batalha, cinema e praça

Recommended Posts

Um conjunto de fotos que tirei já há alguns meses. Algumas são do interior do cinema Batalha, outras da praça da Batalha, Porto, vista de cima do cinema. Coloquei-as no deviantart, mas como o tema é tão arquitectónico, quis partilhá-las aqui. espero que gostem: Interiores

Share this post


Link to post
Share on other sites

eu gosto bastante do edifício. Os interiores são do mais interessante que podemos encontrar na arquitectura desta época, não é demasiado racionalizado como as "caixas" aborrecidas que muitas vezes o modernismo produziu mas tudo faz sentido, e feito com bom gosto. Por fora também me agrada imenso a forma como aquele gaveto está feito na relação com a praça.Acho que assume o que deve assumir da importância do edifício no conjunto, mas feito de forma subtil, apesar da escala do edifício em relação aos que o rodeiam...

Share this post


Link to post
Share on other sites

é feio?! Não entendo como! Aliás eu nem aplicaria esse termo à arquitectura, mas neste caso estou completamente de acordo com o Rui. É um edifício fantástico e com uma presença urbana única! Este é provavelmente um edifício que o Koolhas, a Hadid e o Ghery deveriam estudar sobre como intervir na cidade através de um edifício ícone bem feito! :s

Share this post


Link to post
Share on other sites

As opiniões, justificadas ou não, valem sempre o que valem; caídas do nada, valem ainda menos. Tudo bem, achas "feio", essa opinião é imbatível uma vez que não há nenhum ponto em que possa discordar de ti, já que também não há nenhum ponto de todo... Mas já agora, porque a imagem talvez ainda valha mil palavras (palavreado :s ) fica aqui aberta a mais "opiniões" : ...para quem não conhece o edifício em questão

Share this post


Link to post
Share on other sites

Obrigado pelas fotos Rui. Também não conhecia esse cinema. Com aqueles vãos na fachada poder-se-ia dizer que a luz natural que entra seria em excesso mas, nas fotos do interior demonstram-me um controle dessa luz muito interessante, proporciona um ambiente com algum sabor místico. Não acham?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Gosto muito de como o edifício contorna o gaveto e "faz a esquina"... Para mim é sem dúvida um edifício emblemático que não precisa que se soltar da envolvente para se fazer valer na cidade...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vampir0 é uma muito boa observação essa. Realmente nunca tinha pensado com essa perspectiva, mas é verdade o que dizes. O alçado denuncia um tipo de iluminação que depois é controlado pelos elementos do interior. A fachada anuncia isso porque consegues ver à transparência as lajes e algumas escadas. Mas é uma boa maneira de juntar um elemento como fachada envidraçada com um espaço mais misterioso.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mesmo sendo como opinião, se consideramos algo 'feio' tem de haver uma justificação do mesmo modo que as coisas não são bonitas apenas porque casualmente o são. Se há coisas que acho que se devem discutir são as opiniões, mas enquanto arquitectos ou estudantes de arquitectura não concordo que avaliemos os elementos da nossa área de uma forma leviana sem as sabermos justificar, até porque é para isto que somos formados... Concordando ou não deixo o repto à 'Margarida': é feio porquê? Junto anexo algumas fotografias que tirei a esta obra há cerca de dois anos...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Enconrei, numa revista que tinha para aqui, um artigo sobre este mesmo cinema Batalha. A revista é o Jornal Arquitectos nº198 - Nov/Dez de 2000. Sempre dá para perceber um pouco melhor o espaço.

Imagem colocada
Imagem colocada
Imagem colocada

cya l8r

Share this post


Link to post
Share on other sites
sempre que nos deparamos com uma obra, por mais que ela nos agrade ou não, a meu ver é importante perceber se a sua funcionalidade está bem conseguida e se de facto essa obra serve a toda população onde está inserida, porque de facto, e antes de tudo, toda a obra arquitectónica serve o homem.

quando manifestei a minha opinião, fazia-o a titulo pessoal, esquecendo que sou estudante de arquitectura. não nos devemos esquecer que antes de sermos arquitectos, somos pessoas, e por isso todos nós temos uma opinião pessoal sobre o que vemos, quer essa obra responda afirmativamente ou não, ao que lhe é proposto a nível de cidade, implantação, usos, etc..

é claro que isto se trata de um fórum de arquitectura e para, se pensar arquitectura...mas não resisti em dar a minha opinião, sobre um edifício que, desde que o vi pela primeira vez, acho-o horroroso e que não se enquadra de maneira nenhuma na zona onde está implantado.
sempre tive uma má impressão sobre o edifício.

Share this post


Link to post
Share on other sites

apesar de n concordar com a justificação da Margarida sobre o Cinema Batalha, admito perfeitamente a sua opinião... Para ela é feio..ponto. Da mesma maneira que "eu n gosto de batatas cozidas".ponto. desenhei este edificio muitas vezes e axo que tem uma presença incrivel na praça.da identidade à praça, já para n falar dos seus belos e dinamicos alçados....

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu até percebo que uma pessoa simplesmente adjective algo sem saber bem a razão, isto é, não gosta ou gosta e ponto. De qq modo e não tendo formação em gastronomia, por ex., para apreciar com alguma especificidade um alimento, aqui debatemos 'coisas' que se ligam à nossa área de formação. Digo isto com convicção mas sem tom negativo até pq apenas me dirigi à 'margarida' com o intuito de provocar ligeiramente:). Considero realmente que o edifício não só se enquadra plenamemente na envolvente através de uma implantação e volumetria intimamente ligada à lógica dos volumes preexistentes (como se observar na 1ª fotografia que coloquei), como ao msm tempo se assume como um equipamento de excepção pela sua cor, fenestração e pelos seus contornos subtilmente orgânicos. Estas características fazem-me reconhecê-lo como uma importante referência arquitectónica da nossa cidade.

Share this post


Link to post
Share on other sites
De facto o edifício em questão não é feio, é hediondo.
Quer dizer, não é hediondo, é giro, é porreiro, é fixe.
É moderno, modernista.
É feio sim senhor, é giro.
E isto ainda é um local de discussão de ideias arquitectónicas.
Feio, horroroso, os teus professores devem estar muito satisfeitos,
com os progressos que fizeste desde que te conheceram.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ao contrário de alguns colegas que manifestam a sua opinião, eu não gosto de o fazer com um dicionário ao lado. muito sinceramente não percebo o porque de tanta polémica! é uma opinião como outra qualquer...tenho pena que tu não tenhas percebido isso, ao contrário de alguns que já o entenderam..será que só somos estudantes de arquitectura com o respeito dos outros colegas, se unicamente concordarmos com as suas opiniões?
concentra-te no tópico em questão e dá a tua opinião sobre o edifício (se o conheceres CLARO!) e não sobre o meu percurso na faculdade . acho que todos ganhariamos mais com isso e tu também...ou sera que nao tens opiniao formada sobre ele? pois acontece a muita boa gente :D

Share this post


Link to post
Share on other sites

Please sign in to comment

You will be able to leave a comment after signing in



Sign In Now

×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.