Jump to content
Arquitectura.pt


art

PC Desktop para arquitectura

Recommended Posts

Para ser muito realista um mac, é o melhor a nivel de programação de design! Mas como queres um PC, então deves levar como principais factores, os seguintes: - Memoria Ram - 1GB (no minimo), 2GB (é bom) - Placa Grafica - Neste aspecto a muitas boas, recomento da Creative ou da NVidia. - Um disco rigido, com bastante espaço, pois os programas de design/arquitectura, ocupam muito espaço, assim como os ficheiros que normalmente se trabalha. Acho que estes são os principais aspectos... agora tudo depende o que queres fazer mais.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Para 3D e 2D
Na minha opinião as melhores estações gráficas Desktop no mercado são as dell (www.dell.pt), equipadas com placa gráfica NVIDIA quadro 4 ou superior

http://www1.euro.dell.com/content/products/compare.aspx/precn_desktops?c=pt&cs=RC1078554&l=pt&s=pad

Em termos de portáteis o excelente Dell PrecisionTM M6300

http://www1.euro.dell.com/content/products/compare.aspx/precn_notebooks?c=pt&cs=RC1078554&l=pt&s=pad

qualidade é excelente mas os preços são um pouco mais elevados
Cumprimentos a todos
RS

Share this post


Link to post
Share on other sites

Recomendo, o melhor processador que conseguires comprar, acompanhado de 2Ggb RAM ou mais se possível, estes dois componentes, ainda são por esta ordem os mais importantes para 3d´s/2d´s na generalidade dos programas. Uma boa gráfica ainda só é utilizada para trabalhar nos viewports, ainda são poucos os motores/plugins que utilizam gráficas para Renderização de cenas. E as gráficas nos viewports, não tem um aumento de performance assim tão significativo (só se notando em cenas excepcionalmente complexas).

Share this post


Link to post
Share on other sites

Até ver toda a gente tem razão nas suas intervenções. A minha experiência diz que, se queres um computador com durabiilidade, deves escolher um pc que desde já não tenha limitações de upgrades futuros.

Para mim neste campo enquadram-se os Dell e os MAC como os mais avançados, com vantagem para os MAC pelo seu preço mais baixo que os Dell e com as mesmas caracteristicas. Podes ver um comparativo aqui...
http://www.revitpt.com/forum/index.php?topic=479.0

Eu aqui à uns tempos tive praticamente negócio fechado com um Dell e desisti. Acabei por não comprar na altura. Agora tou apenas à espera que saia o Leopard da Apple para comprar equipamento à séria. Não esquecer que podes com um MAC ter o windows instalado na mesma e assim usar o melhor dos dois mundos.

De qualquer das formas NÃO INSTALES O VISTA. É a pior m... que surgiu desde o windows ME de m... Palavras para quê... Tenho de me moderar...

Se não és adepto da Apple tens sempre um Dell como um rival à altura em termos de componentes, mas mais caro (ligeiramente). Ou então se queres uma coisa mais em conta tens sempre as estações gráficas da HP que de estações gráficas não têm nada comparados com os dois anteriores.

Em termos de caracteristicas tudo depende dos softwares que vais usar. Mas se queres Revit, 3ds MAX, Photoshop e o Autocad eu diria o seguinte como minimo..

- processador Intel Xeon 64bits quad core (de preferência 2) Dual processor, quad core. A velocidade é aquela que o teu dinheiro conseguir comprar
- memória ram de 800MHz e no minimo 2Gb eu diria para já uns 4 e não tinhas mais com que te preocupar.
- gráfica NVIDEA (sem dúvida as melhores para CAD/CAM) eu iria uma NVidea Quadro a 256MB no minimo
- discos, no minimo 2. Um não precisa de ter muita capacidade mas sim de velocidade. Basta ter uns 60-80Gb de memória e rode a 10.000 RPM. Neste colocarias o sistema (ou sistemas) operativos e todos os programas. Assim se alguma coisa der pro torto podes formatar este disco e manter os teus dados no outro disco que aí já teria pelo menos 250GB. Assim a tua informação estava sempre segura.

E pronto. Configuração feita. Boa sorte...

Share this post


Link to post
Share on other sites

heheheh... isto é pessoal cheio de "papel".... Um AMD Athlon x2 64 e 4Gb de memória, boa motherboard AM2 e uma placa Nvidea com 512Mb ( suporte para openGL 2.0 ou superior).... chega e sobra e custa menos de 1000€ E claro, XP 32 bits

Share this post


Link to post
Share on other sites

- caixa mini ATX Linkworld LC 437 400W - 27.9 € - abit SG-95 SIS 662/966 77D DDRII667 VGA SATA, ETC ETC - 47.9 € - P DUAL CORE E2160 - 77.90 € - KINGSTON DDR2 667MHz 2048Mb - 84.00 € - MAXTOR 160GB SATA_II - 46.50 € - XFX GF 8400GS 256 MB DDR2 ATÉ 512 MB - 48.90 € - LITEON DVD + - R/RW/ 20X - 29.00 € - DRIVE DISQUETE - 6.00 € - WIN XP HOME EDITION - 83.00 € TOTAL: 452.00 € C/IVA Comprei ontem três para o meu gabinete. A mim, o dinheiro custa a ganhar.

Share this post


Link to post
Share on other sites

- caixa mini ATX Linkworld LC 437 400W - 27.9 €
- abit SG-95 SIS 662/966 77D DDRII667 VGA SATA, ETC ETC - 47.9 €
- P DUAL CORE E2160 - 77.90 €
- KINGSTON DDR2 667MHz 2048Mb - 84.00 €
- MAXTOR 160GB SATA_II - 46.50 €
- XFX GF 8400GS 256 MB DDR2 ATÉ 512 MB - 48.90 €
- LITEON DVD + - R/RW/ 20X - 29.00 €
- DRIVE DISQUETE - 6.00 €
- WIN XP HOME EDITION - 83.00 €

TOTAL: 452.00 € C/IVA

Comprei ontem três para o meu gabinete.
A mim, o dinheiro custa a ganhar.


um gabinete com Xp home edition?? :s

Share this post


Link to post
Share on other sites

eu diria o mesmo.... não só porque à partida não deveria ser possivel devido às politicas de licença da Microsoft (também o Office é sujeito a estes termos), como também o Home Edition tem várias reconhecidas incompatibilidades com alguns softwares profissionais e até mesmo com alguns componentes do propsio Office 2003 e 2007... Não deixa de ser estranho, não é uma questão de ter "papel" ou não, aliás como referi, sai mais barato adquirir um MAC do que um DELL. E é bom recordar que estas estações gráficas têm caracteristicas e por isso desempenhos próprios para o tipo de trabalho que se desenvolve com programas Hi-End, daí o seu preço... Mas cada qual sabe de si... São apenas opiniões...

Share this post


Link to post
Share on other sites

O custo/ beneficio não compensa... voçês ainda andam a comprar as máquinas à pala dos papás?!!! Muito dificilmente qualquer profissional/ atelier poderá ter uma Workstation e muito menos os respectivo software High-end... devidamente actualizado, LICENCIADO e com operadores especializados nos ditos. É uma utopia para 90% dos Ateliers, profissionais... qual é o cliente que paga o valor de projecto para poder ser disponibilizado essas coisas... infelizmente muito poucos. EDIT: tenho XP home e Pro no atelier e as diferenças são insignificantes...

Share this post


Link to post
Share on other sites

eu diria o mesmo....

não só porque à partida não deveria ser possivel devido às politicas de licença da Microsoft (também o Office é sujeito a estes termos), como também o Home Edition tem várias reconhecidas incompatibilidades com alguns softwares profissionais e até mesmo com alguns componentes do propsio Office 2003 e 2007...


Parece-me que existem alguns equívocos, é perfeitamente possível, apenas o Home edition têm algumas limitações em termos de funcionamento de rede e pouco mais. Quanto a incompatibilidades, não existe nenhuma, os requisitos para XP funcionam para a versão profissional e para a versão Home Edition.

Share this post


Link to post
Share on other sites

um gabinete com Xp home edition?? :s


Nem imaginas quantos!!!!

Vocês leram a EULA do WINDOWS XP HOME EDITION? Não, pois não...
Só para esclarecer: excerto do ponto 22 da dita cuja,

".....Limitação de responsabilidade - Até à extensão máxima
permitida pela lei aplicável e excepto nos termos previstos
na garantia do fabricante, em caso algum serão o fabricante
e os seus fornecedores (incluindo a MS, a Microsoft
Corporation (e as empresas suas subsidiárias) e os
respectivos fornecedores) responsáveis por quaisquer
prejuízos (incluindo, sem limitações, prejuízo por perda de
lucros negociais, interrupção de negócios, perda de
informações negociais ou outras perdas pecuniárias)
resultantes da utilização ou da incapacidade de utilização
do produto
, mesmo que o fabricante e os seus fornecedores
(incluindo a MS, a Microsoft Corporation (e as empresas
suas subsidiárias) e os respectivos fornecedores) tenham
sido notificados da possibilidade de ocorrência de tais
prejuízos. Em qualquer caso, a responsabilidade integral do
fabricante e de qualquer dos seus fornecedores (incluindo a
MS, a Microsoft Corporation (e as empresas suas
subsidiárias) e os respectivos fornecedores), nos termos de
qualquer disposição deste EULA, será limitada ao valor
efectivamente pago pelo Adquirente pelo produto. Estas
limitações não se aplicam a quaisquer responsabilidades
que não possam ser excluídas ou limitadas pelas leis
aplicáveis...."

A Microsoft podia chamar-lhe "Windows XP toldo na praia edition" que iria servir na mesma para ter "lucros negociais"!!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

O custo/ beneficio não compensa... voçês ainda andam a comprar as máquinas à pala dos papás?!!!


Cuidado com acusações sem fundamento. O meu pai morreu à um ano e eu tenho de me deseenrascar sozinho e não é por isso que me encosto à sombra a pensar que o negócio vai mal. Já agora vai mal pra quem quer... Há muito trabalho é preciso é querer fazê-lo ou estar na disposição de ter 2 ou 3 empregos e tar sempre a lutar por ter melhor. Portanto as utopias só existem na cabeça de cada um. Não quer dizer que eu seja o super-homem ou que tenho dinheiro para dar e vender, mas pura e simplesmente passo mais tempo a trabalhar e menos tempo a queixar-me. E mais. A arquitectura é um "negócio" com muitas vertentes e está longe de ser apenas e só fazer projecto. Eu passo muito tempo a não fazer projecto, mas depois os beneficios colhem-se. Portanto cuidado com determinadas palavras e acusações. A vida custa a todos, mas só fica sem trabalho quem quer.

Para terminar é bom reforçar a ideia de que foi pedida uma opinião. Coisa que eu dei sem qualquer problema. Aceita quem quer... Muita gente achava que eu era doido por estar a perder tempo a aprender revit, a estudar revit, a dominar o revit, o que é certo que tenho muitos colegas hoje à procura de estágio e não conseguem, ou a estagiar a custo zero e a mim propostas não faltam, devido à falta de "operadores" BIM ou Revit nos ateliers.

Mas 90% dos ateliers usa o Autocad LT. E depois???? É por isso que eu vouignorar os outros??? É por isso que vou ficar apenas com ferramentas 2d e esquecer os gigantes do 3d??? Nos computadores é igual... Quem trabalha a 2d é de facto uma perda de dinheiro ter estações de trabalho para Hi-end. Não digo o contrário. Mas parte-se do principio que os tempos da rottring já acabaram e as pessoas pretendem mais. Mas isso fica ao critério de cada um.

Parece-me que existem alguns equívocos, é perfeitamente possível, apenas o Home edition têm algumas limitações em termos de funcionamento de rede e pouco mais. Quanto a incompatibilidades, não existe nenhuma, os requisitos para XP funcionam para a versão profissional e para a versão Home Edition.


Não existem quaisquer equivocos. O Autocad teve problemas de incompatibilidades com o Home que mais tarde vieram a ser resolvidos. Até o Office quer o 2003 quer o 2007 tiveram problemas de incompatibilidades, um deles nem instalava no windows xp home, problema que foi mais tarde resolvido com um path que se sacava do site da microsoft. Eu próprio desinstalei o Home e passei para o PRO devido a essas incompatibilidades. O 3ds MAX teve os mesmos problemas, problemas que perduraram com o Windows Vista Home e o 3ds MAX 9 e só foram resolvidos com o SP2 do próprio MAX. Portanto não existem quaiquer equivovos.... A primeira a detectar e assumir o erro foi a Microsoft quando chegaram as primeiras queixas...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Rui sem querer ser insistente, os problemas de incompatibilidade que te referes não serão devido a hardware ou outro software em conjunto? Ou mesmo a versão Home para o Windows Vista? A Microsoft fornece-nos as ferramentas beta e OEM para usarmos antes de sair no mercado e nunca tivemos problemas com nenhuma das ferramentas que te referes. Já o Vista tenho conhecimento disso ter acontecido. Quanto à EULA é perfeitamente possível ter o Home Edition em empresas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Rui... não estava a atacar ninguém , apenas a ser realista e pragmático... cada um gere o seu negócio à sua maneira, eu, felizmente tenho o MEU, a minha gestão é efectuada segundo estas permissas. Se forem necessários mais recursos/ recursos especializados, nomeadamente quanto à representação fotorrealista, nada como fazer outsoursing... Mas Arquitectura, não é, de todo as imagens sensacionais que um software e hardware poderão permitir. PS: De qualquer maneira o nosso amigo ART, ainda não referio para que tipo de utilização pretende o Desktop....

Share this post


Link to post
Share on other sites

E eu, sem querer ateimar.... Então porque é que existiram reclamações e sites com essas informações? Ou porque é que eu tive também esses problemas?? Recordo que não foi recentemente. É um facto. Mas houve problemas. E isso nao é especulação ou converasa da treta, é um facto. Aliás reforço a ideia de que a Microsoft só resolveu o problema quando lançou o SP1 do XP quando desbloqueou, o que tinha bloqueado no Home, e que o PRO tinha já de raíz. Eu sei que de resto e actualmente pode até ser verdade que as diferenças passam por processos administrativos de sistema e configurações de rede. Mas que houve erros e incompatibilidades do Home que não existiam no PRO, houve. Quanto ao EULA, desconhecia... Só tinha conhecimento disso por intermédio de um colega. PElos vistos estava mal informado... Pedro Barradas, quanto a estas tuas últimas palavras não podia estar mais de acordo. A arquitectura é muito mais que as imagens fotorealistas que por aí se veêm, mas também já não é só o que a rottring e a lâmina nos dá. São poucos os trabalhos pessoais em que aposto no fotorealismo. Mas revit não é fotorealismo é apenas uma forma de trabalhar arquitectura. E eu não me lembro de ter mencionado sequer o dito cujo. Podias não estar a atacar ninguém, como eu não estou, mas isso não quer dizer que não tenhas cuidado com algumas afirmações. Eu ( e outros na mesma situação) é que sei o que é ter de ficar independente à força e as dificuldades que isso acarreta. Mas não é por isso que deixei que fosse espezinhado pelos patrões arquitectos que pagam o que querem e nos tratam como querem, ou deixei de lutar pelos meus ideais, ou até deixei que um acaso determina-se o eliminar das minhas vontades. Por isso tenho os conhecimentos que tenho, adquiri e continuo a adquirir os equipamentos que quero. E não vivo às custas de ninguém. Mas trabalho que nem um condenado para o conseguir. Concluindo e pegando na tua frase, a arquitectura não é, apenas, as imagens sensacionais que um software e hardware poderão permitir. E aqui está uma grande diferença. O apenas. A arquietctura é muito mais que isso. E é por isso que cada vez mais o autocad é menos popular e os BIM's mais populares. Porquê. Pela mesma razão que o tempo das rottrng já lá vai. O TEMPO. Cada vez temos menos tempo, mais concorrência, mais pressão e mais exigências. E se hoje é uma minoria quem usa estes recursos, amanhã vai ser uma maioria. E amanhã vai haver já a realidade virtual por holograma, e os softwares inteligentes e sei lá mais o quê que vai ser usado por uma minoria, mas mais tarde virá a ser usado pela maioria. Deixar passar isto ao lado isso sim é perder tempo...

Share this post


Link to post
Share on other sites

isto aparece na Wikipédia:
"The two major editions are Windows XP Home Edition, designed for home users, and Windows XP Professional, designed for business and power-users."
... mesmo no site da Microsoft também fico com esta ideia...

comparação entre a versão Home edition e Pro:
link

Share this post


Link to post
Share on other sites

E eu, sem querer ateimar....

Então porque é que existiram reclamações e sites com essas informações? Ou porque é que eu tive também esses problemas?? Recordo que não foi recentemente. É um facto. Mas houve problemas. E isso nao é especulação ou converasa da treta, é um facto. Aliás reforço a ideia de que a Microsoft só resolveu o problema quando lançou o SP1 do XP quando desbloqueou, o que tinha bloqueado no Home, e que o PRO tinha já de raíz. Eu sei que de resto e actualmente pode até ser verdade que as diferenças passam por processos administrativos de sistema e configurações de rede. Mas que houve erros e incompatibilidades do Home que não existiam no PRO, houve.

Quanto ao EULA, desconhecia... Só tinha conhecimento disso por intermédio de um colega. PElos vistos estava mal informado...


Com o SP1 desconheço, apenas com o SP2 por isso as minhas desculpas porque podes ter razão. Mas o SP1 já foi lançado em 2002.


isto aparece na Wikipédia:
"The two major editions are Windows XP Home Edition, designed for home users, and Windows XP Professional, designed for business and power-users."
... mesmo no site da Microsoft também fico com esta ideia...

comparação entre a versão Home edition e Pro:
link


Passam por estratégias de marketing empresarial, mas como podes ver as diferenças são mais a nível de configuração de rede. Como indica na Wikipédia "designed for".

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só depois de terem os dedos numa maquina como os DELL ou configuração descrita pelo Rui Venda, se dá o verdadeiro valor. Eu tenho uma Workstation dell dual processor xeon 2,4 , uma placa gráfica quadro 4 pro nvidia. É um computador com 6 anos de idade mas continuo a possuir uma máquina minimamente actualizada, pelo menos não me deixa "pendurado" nas aplicações 2d e 3d. (com o Windows vista). Se tivesse um Linha branca de certeza que já tinha feito muitos upgrades. Cumprimentos a todos RS

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu não podia estar mais de acordo. Eu tive à tempos para comprar um Dell. Acabei por preferir MAC não só pelo design, mas pelo sistema operativo e pelas aplicações de produtividade que são pura e simplesmente perfeitas e poderosas. Utilizo ainda assim o windows para autocad, revit e 3ds max. Photoshop's e companhia lda vai tudo pro mac... Mas tenho um dell com mais de 7 anos e ainda se aguenta com o autocad 2008 a 3d sem problemas e sem arrastamentos. E no 3ds max tb se desenrasca bem. Comprei em segunda mão num leilão de ocasião espanhol, custou-me 250€ e é um espetáculo. Não faz barulho, como os demais, é rápido e tive apenas de gastar 250€ em dois ou três upgrades e já tá a bombar, capaz de rivalizar com muitos dual-core que por aí se vendem... Há quem não perceba isso... Delly boa compra. São de facto impecáveis e duráveis.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas quando é que vocês se mentlizam que as vatagens de uma linha brnca são só e apenas o preço? Eu tive um pc IBM intel pentium III 800MHz a trabalhar ao lado de um pentium IV a 1800MHZ e o meu IBM batia o outro aos pontos. Até mesmo naqueles softwares de testes às máquinas. Reparem nas caracteristicas: IBM intel PIII 800 placa gráfica 8MB integrada na board som integrado na board 512MB de ram da antiga Linha branca intel PIV 1800 gráfica NVidea a 64MB som creative aound blaster 1024 ram da antiga Eu próprio fiquei impressionado e nunca imaginei que a diferença fosse fosse significativa. Mas o que é certo é que o IBM iniciava mais rápido, iniciava mais rápido as aplicações tipo autocad ou 3ds max e corria alguns jogos que a outra nem instalava. Porquê??? Nem eu sei, mas depois de falar com um engenheiro informático foi-me informado que os pc's de marca tÊm muitas vantagens, nomeadamente ao nivel do desempenho. Porquê? POrque os componentes foram testados para trabalhar em sintonia uns com os outros, logo o seu desempenho é como se fosse um "overclock" sem o ser. Todos estão a trabalhar a 100%, as "larguras de banda" estão todas afinadas e não há incompatibilidades. Resumindo, não sei até que ponto uma linha branca é melhor, mesmo que se consigam melhores componentes ou aparentemente iguais ao computador de marca. As coisas não são estritamente iguais. Já me disseram que até as cablagens têm importância nestes casos. Depois desse IBM comprei outro desta vez montado por mim com caracteristicas de topo. Resultado, não me durou metade do tempo que o outro durou. A fonte foi-se cerca de 1,5ano depois de o ter a funcionar. E era uma excelente fonte. A motherboard até pegou fogo tinha o pc 6 meses. Mas pegou fogo mesmo. POuco mais e ia ardendo o pc todo. OK... Pode ter sido azar ou má configuração minha. POde até ser mas foi supervisionada por quem percebia do assunto e quem sabia como os componentes se relacionavam entre si... Mas aconteceu.... Voltando aos MAC ou aos DELL. Abram a caixa de cada um deles e depois conversamos. Não há cabos espalhados e torcidos por todo o lado. Não há falhas na ventilação, o fluxo de ar criado é incrivel. Os componentes estão sempre ou quase sempre conectados directamente à board para não haver perda de fluxo de informação. Não é só por ser de marca que é caro. É porque é pensado e construido ao pormenor...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Meu.... o teu tom de Messias irado já cansa. Tens razão em tudo o que dizes, mas consegues ser irritante na maneira com que o dizes. Há uma vida real pralém dos 3D virtuais feitos nos Dell com o Revit: sais e das uma volta, ar fresco, sol.... :s

Share this post


Link to post
Share on other sites

Please sign in to comment

You will be able to leave a comment after signing in



Sign In Now

×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.