Jump to content
Arquitectura.pt


JVS

Lisboa | Prédios Devolutos De Lisboa Vão Ser Reinventados

Recommended Posts

Prédios devolutos de Lisboa vão ser reinventados
Os edifícios devolutos em Lisboa vão ser alvo de exercícios criativos no âmbito do programa Visiting School, da Architectural Association (AA), a mais antiga escola britânica de arquitectura, que a Trienal traz pela primeira vez a Portugal.
Este projecto educativo desenvolvido pela AA vai ser apresentado na sexta-feira na sede da Trienal de Arquitectura de Lisboa, no Campo de Santa Clara, às 18h30, com a presença do director do programa Visiting School, Christopher Pierce.
Visiting School é o programa para o estrangeiro da AA, escola de arquitectura com sede em Londres, fundada em 1846, e que conta actualmente com 30 projectos educativos espalhados por todo o mundo, explicou à agência Lusa o arquitecto João Bravo da Costa, coordenador do projecto que vai ser desenvolvido em Lisboa.
«Além de funcionar como uma instituição independente dedicada à arquitectura contemporânea, a Architectural Association distingue-se pelo método de ensino e debate livre baseado na pluralidade de ideias, não limitado pelas hierarquias académicas", sublinhou o arquitecto, que é docente em Londres desde 2009.
Em parceria com a Trienal de Lisboa, a AA vai realizar um curso de 11 dias na capital com base no sistema de ensino e aprendizagem de arquitectura através de exploração, experimentação e crítica, concentrado no uso de técnicas digitais generativas, sob o tema Design for Change (Projectar Para a Mudança).
De acordo com João Bravo da Costa, os estudantes de arquitectura e arquitectos interessados vão escolher, em Lisboa, um edifício devoluto ou em ruínas, e, usando as técnicas do curso, vão criar um projecto para esse espaço.
Os responsáveis pelo curso decidiram combinar o conteúdo académico com o interesse pela situação local, ligando-o a problemas específicos da condição urbana de Lisboa «para contribuir para o debate de ideias e para a inovação».
«Identificámos como problema mais óbvio e imediato a situação dos edifícios devolutos e em ruínas na cidade», apontou João Bravo da Costa.
Questionado sobre a gravidade deste problema na capital portuguesa, comparado com outras capitais europeias, o arquitecto considerou que «a situação de Lisboa é única e preocupante».
Os participantes no curso vão começar por fazer um trabalho de pesquisa e análise, identificando alvos específicos, depois fazem aprendizagem da tecnologia, e aplicação do exercício.
Na apresentação do projecto educativo, prevista para as 18h30 de sexta-feira, vão estar presentes, além de João Bravo da Costa e Christopher Pierce, Liam Young, do projecto Unknown Fields, Nathalie Rozencwaig, do Visithing School em Singapura e Elif Erdine e Alexandros Kallegias, de Atenas e Istambul.
Lusa/SOL


in http://sol.sapo.pt/inicio/Cultura/Interior.aspx?content_id=46342

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.